29 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Eleições

Moka diz que é o seu momento de disputar o Senado

Fort  Atacadista - 21 ANOS

  Durante reunião suprapartidária realizada em Aquidauana na noite de sexta-feira (21), com a presença de vários prefeitos da região sudoeste e lideranças políticas, o deputado federal Waldemir Moka (PMDB) disse que não abrirá mão da candidatura ao Senado. “Não abro mão porque chegou o meu momento. Preparei-me para disputar essa vaga de senador”, disse o deputado, que é médico e professor.

  Ao agradecer a presença de prefeitos, vice-prefeitos e representantes do setor produtivo e da sociedade, Moka fez relato de sua trajetória de militância. Destacou o inicio de quando ingressou na carreira política, como vereador em Campo Grande, depois com três mandatos de deputado estadual e atualmente cumpre o terceiro como deputado federal.

  Explicou que é legítimo que outras lideranças do PMDB postulem a vaga para o Senado. Citou nomes como o prefeito da Capital, Nelsinho Trad, do senador Valter Pereira e da prefeita de Três Lagoas, Simone Tebet. “A convenção do partido em junho do ano que vem é que vai definir quem será o candidato”, esclareceu.

  Ao mesmo tempo, disse que se houver um entendimento, o partido poderá antecipar a escolha do nome. “Isso nos daria mais tranquilidade e tempo para trabalhar”, destacou. Moka afirmou que a segunda vaga, conforme desejo do governador André Puccinelli (PMDB), será oferecida aos aliados.

  Entusiasmado e empolgado com as declarações de apoio, disse desconhecer, na história, de uma reunião que tenha aglutinado um número significativo de prefeitos e importantes lideranças políticas num mesmo lugar para declarar apoio a um pré-candidato ao Senado. “Esse apoio é extremamente importante.

  Vou falar ao meu partido que sou candidato de um grupo político forte e com representatividade”.

  Moka disse que, no Senado, continuará trabalhando para trazer recursos para os municípios e defendendo os direitos da população. “Chegarei de mãos limpas no Senado, e isso muito me orgulha. Quero ser senador para servir o Brasil, meu Estado e aos municípios que produzem as riquezas do nosso país”, afirmou.

Banner Whatsapp Desktop
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
PMCG