28 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Encontro

Marun participa de encontro com o Presidente da Palestina

27 novembro 2009 - 13h47
Fort  Atacadista - 21 ANOS

  Além do Embaixador, participaram do encontro o Chanceler da Palestina Riyad al-Maliki e o jornalista Pierre Adri.

  De acordo com informações do embaixador da Palestina, o presidente Abbas conversou, em seus encontros, sobre relações bilaterais e o apoio brasileiro à causa palestina.

  O Brasil busca ter um papel mais ativo no processo de paz entre Israel e Palestina e a Autoridade Nacional da Palestina (ANP) deseja que países emergentes importantes passem a integrar as negociações. No inicio deste mês, o presidente israelense, Shimon Perez, foi recebido por Lula em Brasília. Para o chanceler palestino, Riad Malki, isso mostra a importância que as duas partes no conflito dão ao Brasil.

   A ANP lançou um plano para fortalecer a economia e as instituições palestinas nos próximos dois anos e garantir as bases para a criação de um estado independente. Se nesse prazo não se chegar a um acordo com Israel, os palestinos pretendem pedir ao Conselho de Segurança das Nações Unidas a declaração de independência dos territórios ocupados.

  Dentro do plano de fortalecimento da economia, a ANP quer a ajuda das comunidades de origem palestina e árabe no exterior. No próximo ano, está prevista a realização de uma conferência no Brasil para apresentação de projetos nos territórios ocupados. O objetivo é fomentar parcerias empresariais para viabilizar os empreendimentos.

  O Embaixador da Palestina em Brasília, Ibrahim Alzeben já veio várias vezes à Campo Grande /MS para realizar palestras em universidades e também para participar da Solenidade Alusiva ao Dia da Imigração Síria, Libanesa, Turca e Palestina proposta pela Câmara Municipal em setembro passado.

  Marun manifestou ao presidente o apoio do governador André Puccinelli para a solução dos dois Estados: Um Estado de Israel e Um Estado Palestino – Livres, Soberanos e Independentes e convidou Abbas a visitar Mato Grosso Sul quando de uma próxima visita às Américas.

  Para o caminho da paz é a criação de um Estado Palestino. Em artigo escrito recentemente ele defende o seu ponto de vista: “Sem Estado Palestino, não haverá paz! A única solução é o fortalecimento da posição daqueles homens e mulheres de bem que em Israel já entenderam que não é possível a solução militar e que os palestinos também tem o direito a terem sua pátria livre e soberana, até para que tenham algo a perder além da própria vida”.

Banner Whatsapp Desktop
PMCG
AL MS