08 de março de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
casos de coronavirus em mato grosso do sul nas últimas 24 horas

Mais de 30 mortes por coronavírus são registradas em apenas um dia no Estado

Em apenas 24 horas, foram confirmados 889 novos casos da doença

22 janeiro 2021 - 11h17
Até o momento, o Estado tem 155.010 casos confirmados de coronavírus
Até o momento, o Estado tem 155.010 casos confirmados de coronavírus - (Foto: Saul Schramm)
Cassems

A pandemia continua registrando patamares expressivos de óbitos e novos casos confirmados da doença no Estado. É o que mostra, por exemplo, o boletim epidemiológico desta sexta-feira (22), com 31 mortes e 889 novos exames positivos em apenas 24 horas.

O relatório da Secretaria de Estado de Saúde do Governo do Estado mostra que, do início da pandemia até agora, foram registradas 2.771 mortes pela doença. “Para um estado como o nosso, é um número grande”, reforçou o titular da pasta, Geraldo Resende.

Nossa média móvel dos últimos 7 dias, eleva para 17,7 mortes/dia. Das vítimas de hoje, 11 eram de Campo Grande; já em Bataguassu, Corumbá, Dourados, Ladário e Naviraí contabilizaram 10 óbitos, sendo duas vítimas em cada cidade; em Amambai, Anastácio, Chapadão do Sul, Coxim, Jardim, Maracaju, Nova Andradina, Porto Murtinho, Terenos e Três Lagoas tiveram um óbito cada município.

Até o momento, o Estado tem 155.010 casos confirmados do vírus, sendo que deste total temos 11.988 pessoas em isolamento domiciliar, 541 hospitalizadas e 139.710 pessoas recuperadas.

Dos internados, 289 estão em leitos clínicos e 252 em leitos de UTI. Dos sul-mato-grossenses que estão nos leitos clínicos, 184 estão na rede pública e 105 na rede privada. Já os casos mais graves, que estão na UTI, 183 estão na rede pública e 69 na rede privada.

Na macrorregião de Campo Grande, a taxa de ocupação de leitos UTI/SUS é de 86%; em Dourados, de 70%; em Três Lagoas, de 54% e em Corumbá, de 71%.

Durante a live, o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, falou sobre a transparência em relação à campanha de vacinação. “Queremos evitar no Estado, o fura-filas, vamos divulgar o quantitativo de doses de vacina distribuídas e os dados de imunização dessa primeira leva”, anunciou.

 

 

Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE
Cassems