25 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Energia

Fiems e Enersul prorrogarão o Energia Extra por mais 30 dias

14 agosto 2009 - 13h23
Dentro do programa, o valor do KW/h (quilowatt/hora) é de R$ 0,35 centavos
Dentro do programa, o valor do KW/h (quilowatt/hora) é de R$ 0,35 centavos - Divulgação
Fort  Atacadista - 21 ANOS

  O presidente da Fiems, Sérgio Longen, e a Enersul assinam nesta segunda-feira (17/08), a partir das 8 horas, durante reunião no 6º andar do Edifício Casa da Indústria, em Campo Grande, contrato de prorrogação do Programa Energia Extra por mais 30 dias. A medida beneficia 500 indústrias de Mato Grosso do Sul com a aquisição de energia elétrica a R$ 0,35 o kW/h (quilowatt/hora) no horário de ponta das 17h30 às 20h30.

  Na prática, a prorrogação vai permitir que a Fiems e a Enersul, com o apoio do vice-presidente da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado, senador Delcídio do Amaral, tenham mais prazo para prosseguir com a articulação junto ao diretor-presidente da Aneel, Nelson Hubner, para tratar da possibilidade de retomada do Programa Energia Extra, já que desde o dia 1º de maio deste ano a agência reguladora baixou portaria impedindo a venda de energia elétrica no Estado a preço mais barato, o que elevou o valor kw/h no horário de pico para R$ 1,60.

  A decisão unilateral da Aneel obrigou que as 500 indústrias beneficiadas promovessem demissões devido ao aumento do custo de energia elétrica. “A concessionária de energia no Estado já tinha prorrogado até o dia 31 de julho a manutenção do Energia Extra, mas, devido às perdas financeiras que estava acumulando com a determinação da Aneel, suspendeu o Programa desde o dia 1º de agosto”, detalhou o presidente da Fiems, acrescentando que, além das demissões, algumas indústrias já estão migrando para geradores de energia por falta de condições para arcar com o alto custo da energia elétrica no horário de pico.

Banner Whatsapp Desktop
AL MS
PMCG