29 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Campanha Bonito Seguro - Fase 2
Entidade

Diante de novos golpes, CRECI/MS volta a alertar a população do Estado

Fort  Atacadista - 21 ANOS

 Diante de notícias de novos golpes, desta vez na região do Carandá Bosque, em Campo Grande, o Conselho Regional dos Corretores de Imóveis da 14ª Região, CRECI/MS, volta a alertar a população: a intermediação de venda só pode ser feita por corretores de imóveis, que são devidamente credenciados junto ao Conselho.

“É importante que as pessoas se certifiquem de que estão realizando o negócio com profissional habilitado e que faça a pesquisa junto ao Conselho dos Corretores de Imóveis”, diz o presidente do Conselho, Eduardo Francisco Castro.

Em março deste ano, o CRECI ajudou a desmantelar um esquema de venda irregular de lotes na Vila Marly. Na ocasião duas pessoas foram presas. Lotes eram oferecidos por R$ 4 e R$ 6 mil, à revelia do proprietário dos terrenos, que nada sabia.

Desta vez o esquema constatado pela polícia não foi diferente. Golpistas estavam vendendo terrenos de proprietários que moram fora do Estado sem o conhecimento deles. Pessoas que caíram no golpe tiveram prejuízo de R$ 50 mil a R$ 100 mil segundo a Delegacia Especializada de Defraudações e Crimes Fazendários.

Os integrantes do grupo faziam o levantamento de donos de terrenos que não moram em Campo Grande, produziam documentos falsos em nome dos nomes dos verdadeiros proprietários e se passavam por eles. Eles ofereciam áreas que valiam por R$ 100 mil a R$ 80 mil, alegando que precisavam vender logo para resolver problemas de saúde na família.

Além de consultas o Conselho Regional de Corretores de Imóveis também está aberto a denúncias. O telefone do CRECI é o (67) 3325-5557. A entidade fica na rua Rio Grande do Sul, 174.

Banner Whatsapp Desktop
ALMS
PMCG