25 de fevereiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Natal

Comerciante vive todos os dias do ano como o bom velhinho

20 dezembro 2013 - 09h38
Há 16 anos, chegou a Campo Grande Roberto Ribeiro de Oliveira, disposto a mudar de vida, trouxe consigo sua esposa, Valmerina Pereira da Rosa. O desafio nessa mudança era montar seu comércio e se adaptar a um novo estilo de vida, diferente do ritmo do Rio, que foi seu lar por 23 anos. Mas o que ele não imaginava é que dez anos depois iria se tornar famoso, não como comerciante, mas como Papai Noel da Capital sul-mato-grossense.
 
Nascido em Pindamonhangaba, São Paulo, Roberto relembra seus anos de juventude, quando tinha cabelos e barba compridos. “Foi em abril de 2006 que eu cismei em deixar a barba e o cabelo crescerem. Como eu sou o meu próprio chefe, me deixei ter o visual que sempre gostei, mesmo sem ser hippie ou roqueiro”, conta Roberto.
 
Com essa decisão, o que Roberto não esperava era que em um passeio com sua esposa, na época de Natal, fossem convidá-lo para ser Papai Noel de uma loja do Shopping. Essa foi sua primeira experiência como “bom velhinho”. No ano seguinte, o convite veio do próprio Shopping Campo Grande, que tornou Roberto o Papai Noel oficial do centro comercial pelos próximos seis anos.
 
O orgulho em se caracterizar nesse período, não fica somente entre o casal. Os filhos de Roberto "fazem inveja" ao postar nas redes sociais que o Papai Noel é na verdade o próprio pai, e os netos fazem a mesma coisa.
 
O tempo que recebeu as crianças para tirar fotos foi o suficiente para colecionar histórias. Há situações que Roberto lembra e se emociona ao contar. Como foi o caso de um menino que pediu para trazer o pai de volta para casa, pois a família estava sofrendo. “Um caso como este, não tinha o que fazer. É ruim se sentir sem possibilidade de ajudar."
 
Histórias tristes e felizes fazem parte do personagem de quem adotou não só a roupa natalina – usa roupas vermelhas rotineiramente. Estar ao lado do bom velhinho faz com que qualquer adulto volte a acreditar. Roberto é um apaixonado pelo que faz, e o reconhecimento vem da forma mais pura, os pequenos se encantam com o “bom velhinho”, puxam sua roupa, trocam suas confidencias, pedem pelos pais e por aqueles que amam, não apenas na expectativa de um presente, mas na esperança de ter mais um Feliz Natal.
Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE
TJ MS