20 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
al outubro2
Emprego

Carvoeiros podem ser recontratados a partir de maio

Fort  Atacadista - 21 ANOS

O setor carvoeiro prevê que os negócios, suspensos gradualmente desde o fim do ano passado, com a paralisação de atividades de siderúrgicas, se aqueçam entre maio e junho. Enquanto isso não ocorre, o presidente do Sindcarv, Marcos Brito, diz que os produtores de carvão buscam soluções para amenizar a situação de trabalhadores, que estão literalmente nas ruas em Ribas do Rio Pardo.

“Os produtores fizeram um grupo em parceria com a Maçonaria e Prefeitura para dar alimentação diariamente”, cita. Além disso, acrescenta, tem buscado alternativas temporárias junto da Fundação de Trabalho, Secretaria de Produção e Turismo, Federação das Indústrias e Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul.

Acertos - Quanto aos acertos trabalhistas, Brito alega que têm sido feito normalmente. “O que ocorre é que muitos não têm tempo mínimo para usufruir de fundo de garantia e seguro desemprego”, diz. Já o Sitiemc/MS (Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de extração, mineração, madeira e carvão vegetal do Mato Grosso do Sul) informa que os trabalhadores estão sendo pressionados a deixar a cidade sem as rescisões.

Banner Whatsapp Desktop
ALMS
PMCG