23 de setembro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
JBS - Covid 19
14.500 CASOS

Campanha “Chame o Juizado” é referência e resolve 14.500 casos em três anos

O resultado deste trabalho evita uma série de transtornos que vão muito além de passar por um processo judicial, que pode durar meses

2 junho 2017 - 11h25Com informações do TJMS
O atendimento é diário, inclusive aos finais de semana e feriados
O atendimento é diário, inclusive aos finais de semana e feriados - Divulgação

O mês de maio é destinado à prevenção e à educação no trânsito e o Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul está permanentemente atento à resolução dos conflitos que acontecem nas ruas. Por isso, lançou a campanha “Chame o Juizado”, uma ação que incentiva os motoristas a acionarem o serviço do Juizado de Trânsito, disponível em Campo Grande, Dourados, Três Lagoas e Corumbá, quando há acidentes sem vítimas. O atendimento é gratuito e feito por unidades móveis, totalmente equipadas.

Em Campo Grande, a procura pelo serviço tem aumentado, é o que explica o juiz da 9ª Vara do Juizado de Trânsito, Djailson de Souza. Segundo o magistrado, no ano de 2016 os chamados diminuíram, mas nos últimos três meses de 2017 a demanda tem crescido substancialmente. Para ele, este é um serviço muito conhecido da população de Campo Grande.

Em 2016, o mês de março teve 268 atendimentos, em abril 292 e em maio 342. Já neste ano, foram 393 em março, 336 em abril e 399 em maio.

“O que pudemos observar foi o aumento da procura, porque o serviço tem resultado imediato. Após o acidente, uma van equipada vai até o local onde um conciliador ajuda os envolvidos a chegarem a um acordo. Em pelo menos 90% dos casos as partes resolvem os conflitos, sem a necessidade de judicializar a questão”, diz o magistrado.

O resultado deste trabalho evita uma série de transtornos que vão muito além de passar por um processo judicial, que pode durar meses. O atendimento é diário, inclusive aos finais de semana e feriados. Com isto, o fluxo do trânsito é rapidamente liberado, pois a unidade móvel chega minutos depois do acidente, liberando a via. Como o acordo é proposto pelas partes, sem a imposição de uma decisão de um juiz, as partes estão mais interessadas em cumprir o que foi acordado, assim os danos são reparados nos dias seguintes e os motoristas podem voltar a utilizar seus veículos.

A estatística do Juizado de Trânsito da Capital mostra que, em três anos, 14.500 casos foram resolvidos pelos próprios motoristas. Estes acidentes poderiam se tornar processos em que apenas uma das partes sairia vencedora. Os dados referem-se ao período de agosto de 2014 até maio de 2017.

Conheça – O serviço é oferecido pelo TJMS nas comarcas de Campo Grande, Dourados, Três Lagoas e Corumbá para atender, imediatamente, chamadas referentes a acidentes com veículos automotores (motos, carros, caminhões e ônibus), e conta com uma equipe chefiada por um conciliador, um policial militar e um motorista.

Veja os horários e telefones de atendimento nestas comarcas:

- Campo Grande: 159 ou 0800-647-1333, diariamente, inclusive sábados, domingos e feriados, das 7 às 22 horas; 
- Dourados: 0800 647 1770 ou (67) 98462-8243, de segunda a sexta-feira, das 7 às 19 horas;
- Corumbá: (67) 98467-8395, diariamente, inclusive sábados, domingos e feriados, das 8 às 22 horas;
- Três Lagoas: (67) 98478-2201, diariamente, inclusive sábados, domingos e feriados, das 7 às 19 horas.

Banner Whatsapp Desktop
FORT ATACADISTA - Carne Fresca (interno)

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você apoia o retorno do ensino presencial em escolas públicas ainda no ano de 2020?

Votar
Resultados
GAL COSTA
TJ MS
pmcg ms