04 de março de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Butantan

Butantan pergunta à Saúde quantas doses da vacina serão destinadas a São Paulo

De acordo com nota enviada pelo Instituto, "é praxe que uma parte das doses permaneça em São Paulo, o Estado mais populoso do Brasil". Segundo o Butantan, ele agora aguarda manifestação do Ministério também em relação às doses da vacina

15 janeiro 2021 - 18h42
Instituto questionou quantas doses ficariam em São Paulo
Instituto questionou quantas doses ficariam em São Paulo - (Foto: REUTERS/Dado Ruvic/Illustration)

O Instituto Butantan confirmou ter recebido o ofício do Ministério da Saúde com o pedido de entrega "imediata" das 6 milhões de doses da Coronavac, e informou que questionou a pasta nesta sexta-feira (15), sobre a quantidade de doses do imunizante que será destinada ao Estado de São Paulo.

De acordo com nota enviada pelo Instituto, "é praxe que uma parte das doses permaneça em São Paulo, o Estado mais populoso do Brasil". Segundo o Butantan, ele agora aguarda manifestação do Ministério também em relação às doses da vacina.

O governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou nesta tarde que cerca de 4,5 milhões de doses da Coronavac - vacina contra a covid-19 desenvolvida pela farmacêutica Sinovac - seriam encaminhadas para o Ministério para que fossem incorporadas ao Plano Nacional de Imunização (PNI) do governo federal, enquanto que o restante, 1,5 milhão de doses, ficariam no Estado para aplicação.

Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE