25 de fevereiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Campo Grande

Bernal recebe documento com prioridades dos movimentos sociais e populares

12 janeiro 2014 - 09h30
Campo Grande viveu um momento histórico ontem (11), quando lideranças, sindicatos, comunidades ligadas aos movimentos sociais da Capital e simpatizantes das causas coletivas se reuniram para a primeira sessão plenária da Coordenadoria para Assuntos Comunitários dos Movimentos Sociais e Populares, que estabeleceu as prioridades de cada segmento e as reuniram em uma pauta entregue em ato celebrado durante a noite no Paço Municipal, quando mais de 400 pessoas abraçaram simbolicamente o prédio da Prefeitura Municipal, enquanto o som do Hino Nacional transmitia o sentimento de cada integrante do movimento. 
 
Criada pela administração do prefeito Alcides Bernal (PP), a Coordenadoria para Assuntos Comunitários, dos Movimentos Sociais e Populares, é a concretização de uma das metas da Prefeitura, que é a de governar para o povo e com a participação efetiva da população.
 
Convidado para participar da reunião, o prefeito, que estava acompanhado por secretários de seu governo, ficou emocionado ao ser recebido pelos presentes, que o ovacionaram em sua chegada, num gesto de agradecimento pela inserção que sua gestão está promovendo para as classes de menor poder aquisitivo do município. 
 
“Esta é a primeira vez que um prefeito convida o povo para administrar com ele. A gente nunca foi chamado. A gente nunca participou de nada nas administrações passadas. Estamos aqui agora e é real. Essa é a garantia de que esse governo é popular e somos parceiros do prefeito para ajudar a construir uma cidade mais justa e humana para quem realmente precisa de um olhar de esperança”, relatou o diretor do Movimento dos Sem Terra Regional de Mato Grosso do Sul, Jonas Carlos da Conceição, de 33 anos. 
 
Já o presidente da Associação dos Amigos da Orla Morena, Ricardo Sanches, de 31 anos, disse que esse é um momento histórico e que ficará registrado na Capital, já que é a primeira vez em que uma administração compõe seu governo com um órgão, neste caso a Coordenadoria para Assuntos Comunitários, em que é a própria população quem define as metas. “A coordenadoria nasceu com um desafio enorme, já que irá centralizar cada segmento para atender todos os encaminhamentos de maneira que sejam eficientes as políticas públicas de cada secretaria. O que podemos afirmar é que a proposta deste governo, do prefeito Alcides Bernal, no início em que foi criado, condiz com o que foi preconizado e está começando a fazer uma enorme diferença para a população”, considera Sanches.
 
Bernal ressaltou que administrar uma cidade neste formato, em que a população terá vez e terá voz, na prática, garante que o gestor não cometa erros. “O nosso governo é para todos os cidadãos, sem excluir qualquer classe social. Mas devemos ter a responsabilidade de olhar para os segmentos menos favorecidos para que a igualdade que a gente tanto almeja seja vivida na prática”, disse.
Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE
TJ MS