22 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Transporte

Assetur lança cartões múltiplos com cinco e dez créditos de vale transporte

Divulgação
Fort  Atacadista - 21 ANOS

Em solenidade realizada na última terça-feira , 5, no gabinete do prefeito Nelson Trad Filho, foram apresentados à imprensa os cartões múltiplos que a partir desta semana começaram a ser comercializados nos postos de venda da Assetur e em diversos outros locais. Do evento participaram vereadores, diretores das empresas concessionárias do transporte coletivo de Campo Grande e técnicos da Agetran, além de outras autoridades.

Os cartões múltiplos colocados no mercado pela Assetur estão sendo disponibilizados em duas versões, com cinco e dez créditos, ao custo de R$ 11,50 e R$ 23,00, respectivamente.  Para cada versão foram produzidas 20 mil unidades, que em breve poderão ser adquiridas nos terminais e postos de venda da Assetur - veja a relação completa no site da instituição no endereço www.assetur.com.br 

Inicialmente, a comercialização será feita pelos vendedores credenciados pela Assetur em locais de grande concentração de passageiros, como é o caso da Praça Ary Coelho, Praça do Rádio Clube, em frente ao Shopping Campo Grande, Planeta Real, na Avenida Afonso Pena, Mercado Municipal e na Rua Ruy Barbosa.

Segundo informou João Rezende Filho, diretor da Assetur, o funcionamento do sistema é bastante simples. Basta o cliente aproximar o cartão do validador do ônibus ou do terminal para que a catraca seja liberada. Existindo créditos no cartão, este continuará em poder do usuário. Se existir apenas um crédito, o validador vai informar o passageiro - no caso de haver recolhedor - para que este deposite o cartão, que será retido. Em seguida, a catraca será liberada.

No caso de o ônibus não possuir recolhedor, o validador emitirá mensagem solicitando ao passageiro para que este entregue o cartão ao motorista ou ao cobrador, que recolherão o cartão para em seguida liberar a catraca. Segundo João Rezende, além de contribuir para reduzir a circulação de dinheiro, o uso do cartão torna mais ágil o embarque de passageiros.

Até o penúltimo crédito do cartão o passageiro terá direito à integração temporal, mas não terá acesso aos descontos nos horários especiais (das 8h às 11h59) e nas datas de vigência da tarifa social a R$ 1,00. Os cartões não serão aceitos nos micro-ônibus executivos (fresquinhos). Para ter acesso ao cartão, o usuário não terá que realizar cadastro.

Banner Whatsapp Desktop
AL MS
ALMS