30 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Transporte

Agetran flagra pontos irregulares apoiando transporte clandestino

Na maioria desses locais, eles colocam as motos na calçada em frente a um imóvel, dando idéia de que
Na maioria desses locais, eles colocam as motos na calçada em frente a um imóvel, dando idéia de que - Divulgação
Fort  Atacadista - 21 ANOS

  A avaliação é do chefe da Divisão de Fiscalização de Trânsito, Éder Vera Cruz. Durante a ação foram lavradas 17 autuações, sendo cinco da Agetran, cinco da Semadur (Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano), cinco da Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) e duas da Ciptran (Companhia Independente de Policiamento de Trânsito).

  “Neste primeiro momento, nossa intenção é descaracterizar locais que, na aparência, dão suporte legal à atuação de mototaxis e vans clandestinos”, informou Vera Cruz. Segundo ele, os veículos com atuação irregular acabam sendo flagrados durante fiscalizações de rotina deflagradas pela Agetran. Os números de autuações das secretarias parceiras da agência demonstram que o objetivo foi alcançado.

  As autuações da Sesau, por exemplo, foram expedidas por falta de alvará sanitário e por alguns estabelecimentos venderem produtos alimentícios sem passarem por inspeção da Vigilância Sanitária. Já a equipe da Semadur constatou construções irregulares e falta de alvará de funcionamento. A Agetran flagrou estacionamento em passeio público (calçada) e guia rebaixada irregularmente.

  “Na maioria desses locais, eles colocam as motos na calçada em frente a um imóvel, dando idéia de que ali funciona um escritório”, observou Éder Vera Cruz. O chefe da Divisão de Fiscalização de Trânsito também relatou que é comum verificar a venda de espetinhos, salgados e bebidas como se o local tivesse autorização para tal.

  Os locais - No primeiro dia de fiscalização, a equipe esteve em bairros da Região Urbana do Anhanzuinho, mais especificamente nos bairros Jardim Roselândia (rua Goiatuba), Jardim das Meninas (rua Mansur Contar), Canguru (rua Catiguá) e no Guanandi (rua Pirituba). “São bairros com elevados índices de criminalidade e isto favorece esses comportamentos, mas também iremos fiscalizar outras regiões da cidade”, informou Éder Vera Cruz.

Banner Whatsapp Desktop
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
AL MS