24 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
TCE - Devolução Auxílio Emergencial
Entidade

Agência Estadual de Metrologia inaugura posto de aferição de cronotacógrafos nos caminhões

Divulgação
Fort  Atacadista - 21 ANOS

Já a partir de 2009 MS vai ser um dos primeiros estados do País a dispor de um posto de aferição de cronotacógrafos, equipamento utilizado em veículos de carga e de transporte coletivo que serve para monitorar a velocidade e a distância percorrida, além de disponibilizar informações sobre tempo de trabalho e parada.

Esses instrumentos também são obrigatórios para caminhões de carga bruta superior a quatro toneladas e veículos que transportam produtos perigosos a granel.

Na última segunda-feira aconteceu a inauguração do posto Anízio de Emílio, numa homenagem a este empresário que na década de 80 mobilizou seus colegas do segmento de transporte para viabilizar a instalação de um posto avançado do Inmetro. Na época, as empresas tinham que deslocar suas frotas até Bauru (interior de São Paulo) para fazer aferição, já que era a cidade mais próxima de Campo Grande que oferecia este serviço. Foram investidos R$ 260 mil na construção do galpão onde vai ser instalado o posto. Os equipamentos devem chegar até dezembro. A licitação para importá-los já está em andamento, segundo o diretor geral da Agência Estadual de Metrologia, Ademir Osiro. A AEMS representa o Inmetro no Estado. A solenidade de inauguração teve a participação, dentre outras autoridades, do Coordenador Geral da Rede Brasileira de Metrologia Legal e Qualidade - Omer Pohlmann Filho, além do deputado federal Dagoberto Nogueira, os vereadores Vanderlei Cabeludo e Airton Saraiva.

Segundo o diretor técnico da AEMS, Sérgio Maia, a aferição dos tacógrafos (que vai custar R$ 109,00) terá de se fazer de dois em dois anos. Já há entendimentos com o Denatran (Departamento Nacional de Trânsito) que a aferição seja cobrada junto com o licenciamento do carro. A aferição é de interesse das empresas transportadoras porque evita o risco de fraude no tacógrafos que é um instrumento importante de controle da frota. No caso, por exemplo, de um acidente seus registros servem de prova sobre a real velocidade que o veículo desenvolvia no ato da ocorrência. No seu pronunciamento o presidente da Agência Estadual de Metrologia, o presidente da Agência Estadual de Metrologia, Ademir Osiro, fez questão de destacar o trabalho da Ducon Engenharia Ltda, na pessoa do seu engenheiro José Duarte Filho, que entregou a obra (o posto de aferição) dentro do cronograma previsto, com  padrão de qualidade.

Para que serve o cronotacógrafo:

A principal função do cronotacógrafo é garantir a segurança dos usuários do meio de transporte, na medida em que o instrumento indica e registra de forma instantânea a velocidade e a distância percorrida pelo veículo. Por isso, é de grande importância para monitoramento, pelas empresas, do comportamento de seus profissionais ao volante. Além de controlador de velocidade, o aparelho também mostra variáveis relacionadas diretamente ao condutor do carro, como os tempos de trabalho, de parada e de direção. Nesse caso, constitui um aliado nas fiscalizações do Ministério do Trabalho, que pode utilizar os registros do instrumento para checar, por exemplo, o cumprimento do tempo mínimo de descanso exigido pela legislação trabalhista para os condutores de veículos de transporte coletivo.

Banner Whatsapp Desktop
AL MS
Annelies