20 de outubro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
al outubro2
Economia

Total de empresas abertas em julho supera últimos três meses deste ano

6 agosto 2009 - 14h25
Divulgação
Fort  Atacadista - 21 ANOS

 Os dados são da Junta Comercial de Mato Grosso do Sul (Jucems). “O número foi muito bom, mesmo não sendo maior que o registrado em julho do ano passado (759). Mas, temos que levar em consideração que naquela época nem se falava em crise. Somando o número de empresas novas de janeiro a julho, ainda crescemos 2% em comparação com o mesmo período do ano passado”, avalia o diretor-presidente da Jucems, Wagner Bertolli. 

 Para Wagner, a tendência é que a partir de agora ocorra um crescimento no número de abertura de empresas por causa da proximidade com as festas de final do ano. “O empresário que pretende abrir uma empresa para lucrar com as vendas de Natal já está tomando as providências necessárias para isso”, revela.

 Outro ponto que, segundo o diretor-presidente da Jucems, deve ser levado em consideração é o número empresas extintas. Em julho deste ano, apenas 131 empresas fecharam contra 168 no mesmo período de 2008.

 De acordo com Wagner, mesmo que não conste nas estatísticas do órgão, é válido lembrar o número de empregos criados com as novas empresas e também de filiais. No mês passado, 126 novas filiais foram constituídas. “Uma filial é a fotografia de como o Estado está indo bem, significando que a empresa deu certo e o empresário ampliou seu negócio em Mato Grosso do Sul”, explica.

 O número de alterações de empresas, que inclui entre outros procedimentos, mudança de endereço e aumento ou diminuição de capital, foi maior deste ano e também de anos anteriores a partir de 2000. No total, foram realizadas 973 alterações na Jucems.

 

Banner Whatsapp Desktop
ALMS
AL MS