22 de janeiro de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
ECONOMIA

Após abrir em alta, dólar vira e cai com alívio sobre reforma e TSE no foco

7 junho 2017 - 08h50
MÊS DA ECONOMIA COMPER

O dólar abriu com viés de alta nesta quarta-feira, 7, pressionado pelo exterior, mas logo passou a cair e registrou mínimas, refletindo alívio dos investidores com a aprovação da reforma trabalhista na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado por 14 votos a 11 na terça, disse um operador de câmbio.

A volatilidade era esperada e está entre margens estreitas diante da incerteza sobre o desfecho do julgamento da ação contra a chapa Dilma-Temer pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que prossegue nesta quarta, afirmou a fonte.

Contudo, paira no ar certo otimismo sobre um resultado favorável ao presidente Michel Temer, sem cassação, o que favoreceria um andamento mais rápido das reformas no Congresso, segundo um profissional de corretora.

Às 9h26, o dólar à vista caía 0,31%, aos R$ 3,2667. Na máxima, após a abertura, subiu aos R$ 3,2822 (+0,17%). O dólar futuro para julho recuava 0,39%, aos R$ 3,2840, na mínima, ante máxima aos R$ 3,3030 (+0,18%).

Banner Whatsapp Desktop