05 de março de 2021 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
BLOCO DA VALU VAI SER ON-LINE NESTE ANO

Bloco mais tradicional da Capital, Cordão da Valu não vai para a Esplanada Rodoviária neste ano

O Carnaval virtual será transmitido pelas redes sociais do Cordão YouTube, Facebook e Instagram no sábado (13) e na terça-feira (16)

26 janeiro 2021 - 10h50Da Redação
A transmissão será de cima de um trio elétrico, que vai rodar algumas ruas da cidade obedecendo todas as normas de segurança exigidas pela prefeitura
A transmissão será de cima de um trio elétrico, que vai rodar algumas ruas da cidade obedecendo todas as normas de segurança exigidas pela prefeitura - (Foto: Divulgação)
Cassems

Muito popular em Campo Grande, o Cordão Valu, bloco mais tradicional da cidade, vai realizar um Carnaval virtual com transmissão pelas redes sociais.

“Este ano o Cordão Valu vai fazer um Carnaval de maneira responsável, consciente, pois entendemos que realmente não é o momento de aglomeração. Não vai ter Carnaval em lugar nenhum do Brasil, e a gente concorda com isso, mas para não perder a alegria e o prazer de fazer a brincadeira, vamos fazer tudo on-line”, explica Silvana Valu, fundadora do bloco.

O Carnaval virtual será transmitido pelas redes sociais do Cordão – YouTube, Facebook e Instagram – no sábado (13) e na terça-feira (16), em parceria com a Prefeitura Municipal de Campo Grande. A transmissão será de cima de um trio elétrico, que vai rodar algumas ruas da cidade obedecendo todas as normas de segurança exigidas pela prefeitura. O trio não fará paradas e não terá seu trajeto divulgado para não gerar aglomerações, o objetivo é que os foliões acompanhem tudo on-line. “Em respeito a todas as famílias que perderam entes queridos, o Cordão Valu entende que é um momento delicado, em que precisamos ter consciência e responsabilidade. Esperamos pela vacina, pelo fim da pandemia, para aí sim fazermos uma grande festa de reencontro, com muitos abraços”, afirma Silvana.

Em 2021, o Cordão Valu vai também resgatar uma tradição histórica – o corso carnavalesco, um tipo de agremiação que promovia desfiles utilizando carros, que saíam ornamentados pelas ruas da cidade levando os foliões. “Vamos fazer o corso carnavalesco, é um desfile que surgiu no início do século XX, no Rio de Janeiro principalmente, no qual as pessoas se fantasiavam e saíam desfilando pela cidade em cima dos seus carros. Isso depois foi desaparecendo, mas o Cordão Valu, por ser um momento de distanciamento social, resolveu resgatar essa tradição”, conta Silvana. O desfile será simbólico, para marcar a passagem do Carnaval pela cidade, com número restrito de carros e participação apenas dos fundadores do bloco. “Este ano não vamos para a Esplanada e não vamos fazer nenhuma aglomeração”, reforça a fundadora do bloco.

A programação de 2021 do Cordão Valu começa na sexta-feira (12), com a exibição – também on-line – de um documentário sobre o bloco, que abrirá os festejos. No sábado (13) e na terça-feira (16) haverá a transmissão do Carnaval virtual pelas redes sociais, com programação que será divulgada nos próximos dias, e também no sábado o corso carnavalesco pelas ruas de Campo Grande. “O carnaval faz parte do calendário comemorativo do Brasil, somos uma nação de gente alegre e simples, por isso é importante, mesmo que simbolicamente, que tenhamos algum momento de alento e alegria para acalentar nossos corações”, finaliza Valu.

Banner Whatsapp Desktop
Banner TCE