20 de maio de 2018 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
História

Tereré vira patrimônio imaterial histórico de Ponta Porã

1 abril 2011 - 13h38

Será publicado o decreto nº 13.140 assinado pelo governador André Puccinelli que determina o registro do Tereré do município de Ponta Porã como patrimônio imaterial histórico e cultural de Mato Grosso do Sul. O bem imaterial, Tereré de Ponta Porã vai constar no Livro de Registro dos Saberes, onde estão inscritos conhecimentos e modos de fazer enraizados no cotidiano das comunidades. 

O registro significa que o Estado reconhece que esse é um bem tradicional do município de Ponta Porã, ligado à história da cidade, com hábitos de consumo transmitido entre as gerações.  O pedido de registro ao Conselho Estadual de Cultura (CEC/MS) foi feito no ano de 2008 pela Prefeitura de Ponta Porã. Depois de uma série de levantamentos de documentação, foi reconhecido que a bebida refrescante feita com a infusão da erva-mate consumida com água, sucos, hortelã, ou limão é a mais tradicional daquela cidade.      

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

A PM que rendeu um bandido e evitou que ele ferisse crianças e mães à saída de uma escola em Suzano, interior de SP, foi homenageada pelo governador de SP. Você concorda com a homenagem?

Votar
Resultados
MAIO AMARELO CORTESIA
TJ MS