25 de fevereiro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
COTOLENGO
SAÚDE

Ter uma boa qualidade de vida é o segredo na luta contra a obesidade

21 janeiro 2020 - 12h09 Por Carlos Ferreira

Pesquisa da Vigitel (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico) mostra que Campo Grande está na quarta posição das capitais brasileiras com maior número de obesidade, com 21,5% da população acima do peso. A capital do Mato Grosso do Sul perde para Manaus (AM) e Cuiabá (MT) que empataram em primeiro lugar com 23%, Rio de Janeiro (RJ) com 22,4% e Porto Velho (RO) com 21,7% nos índices.

Mais do que estética, cuidar do próprio peso é uma questão de saúde, pois o excesso de gordura pode levar ao desenvolvimento de diabetes tipo 2, doenças do coração, pressão alta, artrite, apnéia e derrame. Por causa de todos os riscos, é bom que você perca peso mesmo que não esteja se sentindo mal agora.

Em entrevista ao programa "Giro Estadual de Notícias" desta terça-feira (21), o médico Jamal Salem, explica que a obesidade está muito ligada a ansiedade acima do permitido. "Você vê casos de pessoas que procuram por cuidados médicos com dores no quadril, joelhos, pressão alta, diabetes descontrolada, ou seja, o melhor caminho é a pessoa ter uma boa qualidade de vida", explica.

Quando você ingere mais calorias e não pratica nenhum tipo de exercício, você ganha peso. "As pessoas estão preguiçosas. Elas querem um resultado em curto prazo. O que você come e as atividades que você faz ao longo do dia influenciam nisso, como por exemplo a geração 'iFood'", explica.

O profissional alega que um dos exemplos mais comuns é de pessoas obesas que recorrem à cirurgia bariátrica, e após um período engordam tudo o que perdeu. "Ele não se preparou, não mudou a cabeça. A pessoa precisa entender que se não vier por amor, vai vir pela dor, que é a pressão alta, diabete, joelho machucado. A obesidade é uma doença!", ressalta.

Ter uma alimentação saudável é essencial para que as funções do nosso organismo funcionem de forma correta. De forma simples, é necessário que as pessoas tenham uma  alimentação saudável composta por carnes, frutas, verduras e legumes ricos em nutrientes e proteínas.

PMCG
Maestro João Carlos