19 de setembro de 2018 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
HVM - INCORPORACOES
EDUCAÇÃO

Uniformes de balé irão incrementar apresentações de alunos de Ceinfs

12 julho 2018 - 12h40

A prefeitura de Campo Grande através da Semed (Secretaria Municipal de Educação) em parceria com a Agepen (Agência do Sistema Penitenciário), entregou na manhã desta quinta-feira (12), 30 uniformes de balé para alunas do Centro de Educação Infantil, Flória Britez de Eugênio e do Centro de Educação Infantil Engenheiro Valdemir Corrêa de Resende que participam das aulas de balé oferecidas pela Deac (Divisão de Esporte, Arte e Cultura) da Semed. Ao todo, 15 alunas de cada unidade receberam o kit composto de saia de tule e um body.

uniforme_balé_2O material para confecção dos modelos foi enviado para o Estabelecimento Penal Feminino Irmã Irma Zorzi que mantém oficinas de costura. Em janeiro deste ano, a secretária municipal de Educação, Elza Fernandes, esteve no presídio para conhecer as oficinas de costura. No local, 12 detentas produziram as saias que compõem o uniforme de balé. Já os  bodys foram confeccionados pelos funcionários do setor de costura do Cras (Centro de Referência de Assistência Social) Vila Nasser.

O projeto Na Ponta dos Pés, que possibilitou a produção dos uniformes, é de autoria do professor Felipe Augusto da Costa, técnico da Deac, e do agente penitenciário, Vinícius Oliveira. A intenção é contemplar os ceinf localizados em diversos bairros da cidade, priorizando as regiões onde moram famílias em vulnerabilidade social.

A secretária municipal de Educação, Elza Fernandes, ressaltou que o objetivo da atual gestão é trabalhar para garantir sempre a qualidade no atendimento à comunidade escolar. “Sempre iremos incentivar parcerias importantes como esta com a Agepen”, disse. A Agepen também é parceira no projeto de parquinho de pneus.

De acordo com a secretária a parceria é importante para unir forças. “Não fazemos nada sozinhos, precisamos de união e todo este trabalho não seria possível se não houvesse também o apoio dos pais e da comunidade escolar. Nossa gestão é feita buscando essas parcerias, indo até a comunidade para verificar o que a comunidade está realmente precisando”, afirmou.

uniforme_balé_3Benefícios

A professora de balé do Ceinf Flória Britez de Eugênio, Jane Simões da Silva Lopes acredita que os uniformes, apesar de serem utilizados apenas nas apresentações, irão incentivar mais a participação nas aulas de balé. “As crianças ficarão muito mais animadas porque o encanto com o balé vai crescer”, ressaltou.

A diretora do Ceinf Engenheiro Valdemir Corrêa de Resende, Rosimeire da Silva Rodrigues enfatizou que a comunidade ficou feliz por ser uma das primeiras a serem contempladas com os uniformes de balé. “O projeto beneficia muito as crianças abrangendo diversos aspectos, entre eles o  pedagógico e o comportamental”, explicou.

A agente de callcenter Joelma Maria Cardoso, que teve uma filha contemplada com o uniforme, ficou surpresa ao saber que parte da roupa foi produzida por detentas e apoia a iniciativa. “Ficaram lindas as peças, acredito que essa parceria beneficia tanto a nós pais, que não podemos comprar os uniformes de balé,  quanto as detentas que podem ajudar no projeto”, destacou.

Pai da pequena Emilly, de cinco anos, o repositor Willian da Silva contou que a  filha adora participar das aulas. “É bom para desenvolver as habilidades motoras, além de contribuir com a formação do caráter”, pontuou.

Mãe da aluna Vitória Laura, também de cinco anos, Kelly Regina Gavilan, aprova o projeto e disse que a filha aprendeu a gostar de dança. “As aulas são ótimas porque ajudam na disciplina. Minha filha está encantada”, completou.

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você já tem seus candidatos para as eleições de 2018?

Votar
Resultados
SOLURB
CORTESIA SEGOV HEPATICE C