07 de agosto de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
agecom
REDE SOLIDÁRIA

Projeto completa um mês de funcionamento e divulga balanço nesta quinta-feira

Através do Rede Solidária já foram atendidos mais de 300 pessoas nos cursos de grafite, violão, percussão, capoeira, teatro e outros.

16 dezembro 2015 - 17h11DA REDAÇÃO
Divulgação
HVM

Em um mês de funcionamento o Rede Solidária – Unidade Ruth Cardoso – já atendeu aproximadamente mais de 300 pessoas nos cursos de grafite, violão, percussão, flauta, capoeira, teatro, informática, balé, dança contemporânea, padaria e costura, além das orientações dadas pela Escola da Família aos cadastrados. Nesta quinta-feira (17), às 15 horas, haverá cerimônia de encerramento das atividades deste ano, com a presença da vice-governadora e titular da Secretária de Direitos Humanos, Assistência Social e Trabalho (Sedhast), Rose Modesto.

De acordo com a diretora da unidade Ruth Cardoso, Cleonice Mello, as atividades retornarão no dia 4 de janeiro com novas matrículas e o atendimento das pessoas já matriculadas. “Vamos estar aqui desde o dia quatro de janeiro com o atendimento normal, com nossos instrutores e a equipe voltada para a recepção das crianças, adolescentes e adultos, que somam mais de 132 famílias atendidas”, ressaltou.

Abrigado em local estratégico, em que a população mais sofre com a vulnerabilidade social e violência na Capital sul-mato-grossense, o projeto do Governo do Estado, criado pela Sedhast, trouxe novas perspectivas às famílias que residem na região do bairro Dom Antônio Barbosa.

O projeto que é executado em parceria com empresas privadas, entidades sociais e voluntários, atende crianças acima de 6 anos, adolescentes, jovens e adultos que estejam em risco social. Dentro de núcleos em diversas áreas, o projeto proporciona valorização do ser humano e direciona os qualificados ao mercado de trabalho. Para as crianças serão oferecidas aulas no contraturno escolar, ocupando o tempo ocioso e evitando que fiquem nas ruas correndo riscos.

Família beneficiárias do Programa Vale Renda são o principal público-alvo do Rede Solidária. Na capital são 17 mil famílias atendidas. A meta é alicerçar e capacitar essas famílias para que tenham autonomia econômica e assim não dependam de programas sociais

Banner Whatsapp Desktop
FORT ATACADISTA - Auxilio Emergencial  (interno)

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você vai fazer compras de Dia dos Pais neste ano?

Votar
Resultados
FORT ATACADISTA - Auxilio Emergencial  (interno)
Cornavirus
agecom - fullbanner