09 de agosto de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
agecom
EDUCAÇÃO

Ministério da Educação empossa em Brasília novo reitor do IFMS

A transmisssão do cargo acontece, porém, em Campo Grande no dia 4. Luiz Simão ocupa a reitoria do IFMS até 2019.

1 dezembro 2015 - 18h14Da redação
O reitor foi empossado pelo ministro da Educação Aloizio Mercadante
O reitor foi empossado pelo ministro da Educação Aloizio Mercadante - Divulgação/SetecMEC
HVM

Saiba Mais

Esta terça-feira, 1º, é uma data histórica para o Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS). Pela primeira vez desde sua implantação em 2009, a instituição teve seu primeiro reitor eleito empossado pelo Ministério da Educação (MEC).

A cerimônia de posse de Luiz Simão Staszczak foi realizada em Brasília, presidida pelo Ministro da Educação, Aloizio Mercadante.

“Nosso dever é estimular e motivar nossos alunos para as áreas exatas ainda no ensino médio. Os Institutos Federais também precisam manter a relação com o setor produtivo. Precisamos valorizar a nossa educação, agregar conhecimento e inovação, desvendar talentos. Educação é um trabalho de base e nós devemos consolidá-la”, ressaltou o ministro.

Em seu discurso durante a solenidade, o novo reitor do IFMS elencou algumas prioridades de sua gestão para os próximos quatro anos, com destaque para as metas estabelecidas no Plano Nacional de Educação.

“Devemos pensar em triplicar o número de matrículas, focando também na infraestrutura e quadro de docentes. Queremos que o estudante tenha acesso à educação, mas também que permaneça e tenha êxito. O bloco ensino, pesquisa e extensão é o que fortalece a coluna da educação profissional e tecnológica”, afirmou Luiz Simão.

O secretário de Educação Profissional e Tecnológica, Marcelo Feres, frisou a importância da continuidade do trabalho que vem sendo desenvolvido desde sua implantação no Mato Grosso do Sul.

“Por ser uma instituição nova, as 20 mil matrículas realizadas até hoje no IFMS demonstram que estamos no caminho certo. Parceria com a inovação, troca de experiências e ações articuladas com o setor produtivo irão manter a linha harmônica que vem sendo construída para que possamos avançar”, salientou.


Estiveram presentes o secretário de Educação Profissional e Tecnológica, Marcelo Feres, e a reitora Maria Neusa

Prioridades

Com mandato até 2019, Luiz Simão ressalta que as prioridades de sua gestão para a consolidação do IFMS encontram-se tanto no eixo externo quanto em questões de âmbito interno.

“É preciso ampliar o número de vagas para cursos técnicos, levando-se em conta a demanda e capacidade institucional, e fomentar parcerias com as esferas municipal, estadual e federal para a expansão da educação a distância do IFMS e o desenvolvimento de ações junto às comunidades dos campi”, apontou.

Já no âmbito interno, o novo reitor afirmou ter como prioridades “a implantação do novo Conselho Superior, as eleições de diretores-gerais de seis campi, a redefinição das diretrizes de ensino, pesquisa e extensão e o processo de revisão das unidades curriculares dos projetos pedagógicos de curso”.

Luiz Simão foi candidato único ao cargo, eleito pela comunidade acadêmica do IFMS em maio deste ano, com 66% dos votos. O decreto de nomeação como reitor foi publicado no último dia 24 de novembro, no Diário Oficial da União.


Cerimônia foi realizada na tarde desta terça-feira, em Brasília

Balanço

Também presente na solenidade em Brasília, a atual reitora pro tempore do IFMS, Maria Neusa de Lima Pereira, no cargo desde maio de 2014, agradeceu servidores e estudantes pela colaboração para continuidade do trabalho iniciado pelo antecessor, Marcus Aurélius Stier Serpe.

“Neste um ano e meio de gestão, finalizamos o Plano de Desenvolvimento Instituição para 2014-2018, inauguramos oficialmente as sedes definitivas de quatro campi e iniciamos as obras de outras três unidades, além de conduzirmos as primeiras avaliações de cursos feitas pelo MEC”, ressaltou.

Outras ações destacadas pela reitora durante sua gestão foram o fomento ao diálogo interno entre gestão e servidores, além da adoção de fluxos de procedimentos mais claros para a execução de ações de planejamento.

“Realizamos tudo o que esteve ao nosso alcance. Foi um período de aprendizado para todos os envolvidos e saio satisfeita por transmitir o cargo ao primeiro reitor eleito por servidores e estudantes, consolidando a democracia e o diálogo como os grandes valores do IFMS”, disse Maria Neusa, ao desejar sucesso ao novo reitor.

Transmissão

Na próxima sexta-feira, 4, Maria Neusa irá transmitir o cargo a Luiz Simão, em cerimônia agendada para as 9h, no auditório da Receita Federal, em Campo Grande. O endereço é Rua Desembargador Leão Neto do Carmo, 3, no Parque dos Poderes.

A comunidade acadêmica está convidada a participar.

Trajetória

O novo reitor atua no IFMS desde 2010. Antes de estar à frente da Pró-Reitoria de Pesquisa e Inovação (Propi), ele havia sido diretor-geral pro tempore dos campi Três Lagoas e Corumbá.

Licenciado em Matemática, com habilitação em Física e Estatística, é mestre em Tecnologia e doutor em Engenharia de Produção.

Integrou o quadro permanente de professores do antigo Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná, atual Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), onde posteriormente foi coordenador e diretor-geral do Campus Ponta Grossa.

Atuou também como Secretário Municipal de Qualificação Profissional de Ponta Grossa (PR), sua cidade natal, e desenvolveu outras atividades relacionadas à docência e à pesquisa.

Banner Whatsapp Desktop
agecom - fullbanner
Cornavirus