11 de dezembro de 2018 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
 Campanha AFTOSA - Novembro do Cliente Governo do Estado.
AÇÃO SOCIAL

Mais uma instituição de ensino é beneficiada com entrega de brinquedos feitos por detentos

Os carrinhos, bonecos, bolas e jogos educativos serão utilizados nas aulas e em momentos de brincadeiras no ambiente escolar, que atende 150 crianças de até cinco anos de idade

14 março 2018 - 15h18
Idealizador e responsável pela coordenação do Educação Lúdica, na Máxima, o agente penitenciário Vinícius Saraiva, destaca que os brinquedos confeccionados no presídio são bem diferentes dos comprados nas lojas
Idealizador e responsável pela coordenação do Educação Lúdica, na Máxima, o agente penitenciário Vinícius Saraiva, destaca que os brinquedos confeccionados no presídio são bem diferentes dos comprados nas lojas - Tatyane Santinoni

 Os brinquedos pedagógicos em madeira e crochê confeccionados por detentos da Penitenciária de Segurança Máxima de Campo Grande vão alegrar e contribuir com o aprendizado das crianças do Centro de Educação Infantil (Ceinf) “O Bom Pastor”, no bairro Estrela do Sul, que representa a 9ª instituição de ensino beneficiada. Na manhã desta quarta-feira, 14,  foram entregues 40 brinquedos lúdicos.

Os carrinhos, bonecos, bolas e jogos educativos serão utilizados nas aulas e em momentos de brincadeiras no ambiente escolar, que atende 150 crianças de até cinco anos de idade. A iniciativa integra o projeto Educação Lúdica com Brinquedos Pedagógicos, da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen),  realizado por meio da direção e dos servidores da Máxima.

O objetivo é levar ocupação produtiva e novos valores pessoais aos detentos e, ao mesmo tempo, beneficiar a sociedade, já que estimula o aprendizado e a alegria das crianças. O  trabalho existe há quase três anos e, neste período, foram entregues mais de 300 brinquedos a instituições infantis de ensino.

Durante a entrega, o diretor-presidente da Agepen, Aud de Oliveira Chaves, frisou que o objetivo da agência penitenciária é proporcionar a ressocialização dos presos e a missão desse projeto é possibilitar a ferramenta necessária para contribuir com a educação das crianças.

“Para os internos que confeccionam esses brinquedos também é uma satisfação, porque percebem a alegria das crianças quando mostramos as fotos das entregas e isso é uma demonstração de que podem ser úteis”, destaca o dirigente.

Em forma de agradecimento, a direção do Ceinf confeccionou cartões, onde as crianças desenharam e pintaram. A entrega foi realizada pelos pequeninos às autoridades presentes.

Jogos e brincadeiras são recursos necessários na construção da identidade, da autonomia infantil e das diferentes linguagens das crianças. “A criança aprende brincando, é o lúdico que desenvolve a mente, então, o brinquedo faz parte do aprendizado e isso é fundamental na vida deles”, afirma a diretora do Ceinf, Edna Bana.

Encantada com a doação, Lídia Custódio Gamarra, que é mãe de uma das alunas, parabenizou a iniciativa. “É um trabalho lindo e fiquei muito feliz em saber que as crianças vão ter brinquedos novos e de qualidade, estavam realmente precisando”. Dentre todo o colorido das peças, o que mais chamou a atenção da filha Maria Eduarda, de 3 anos, foi o cachorrinho feito em crochê.

Idealizador e responsável pela coordenação do Educação Lúdica, na Máxima, o agente penitenciário Vinícius Saraiva, destaca que os brinquedos confeccionados no presídio são bem diferentes dos comprados nas lojas. “Primeiro pela durabilidade por conta da madeira e do crochê; segundo pela sustentabilidade, já que são feitos com sobras de madeira da marcenaria da unidade penal e para preencher o miolo da peça em crochê são usados sacos plásticos, que poderiam acabar sendo descartados no meio ambiente”, conta.

Em discurso, a secretária Municipal de Educação (Semed), Elza Fernandes Ortelhado, agradeceu a continuidade do trabalho desenvolvido pela Agepen e pelos detentos. “Parabenizo todo o empenho, dedicação e disposição em ajudar as crianças e a comunidade em geral por meio da mão de obra dos custodiados”, finalizou.

O evento de entrega dos brinquedos também contou com a participação da diretora de Assistência Penitenciária da Agepen, Elaine Arima Xavier Castro; do diretor do presídio de Segurança Máxima, Paulo Godoy, entre outros.

 

Rubeola
TJMS – Campanha do TJMS – SEMANA NACIONAL DA RECONCILIAÇÃO