18 de setembro de 2018 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
HVM - INCORPORACOES
AÇÃO SOCIAL

Mais uma instituição de ensino é beneficiada com entrega de brinquedos feitos por detentos

Os carrinhos, bonecos, bolas e jogos educativos serão utilizados nas aulas e em momentos de brincadeiras no ambiente escolar, que atende 150 crianças de até cinco anos de idade

14 março 2018 - 15h18
Idealizador e responsável pela coordenação do Educação Lúdica, na Máxima, o agente penitenciário Vinícius Saraiva, destaca que os brinquedos confeccionados no presídio são bem diferentes dos comprados nas lojas
Idealizador e responsável pela coordenação do Educação Lúdica, na Máxima, o agente penitenciário Vinícius Saraiva, destaca que os brinquedos confeccionados no presídio são bem diferentes dos comprados nas lojas - Tatyane Santinoni

 Os brinquedos pedagógicos em madeira e crochê confeccionados por detentos da Penitenciária de Segurança Máxima de Campo Grande vão alegrar e contribuir com o aprendizado das crianças do Centro de Educação Infantil (Ceinf) “O Bom Pastor”, no bairro Estrela do Sul, que representa a 9ª instituição de ensino beneficiada. Na manhã desta quarta-feira, 14,  foram entregues 40 brinquedos lúdicos.

Os carrinhos, bonecos, bolas e jogos educativos serão utilizados nas aulas e em momentos de brincadeiras no ambiente escolar, que atende 150 crianças de até cinco anos de idade. A iniciativa integra o projeto Educação Lúdica com Brinquedos Pedagógicos, da Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário (Agepen),  realizado por meio da direção e dos servidores da Máxima.

O objetivo é levar ocupação produtiva e novos valores pessoais aos detentos e, ao mesmo tempo, beneficiar a sociedade, já que estimula o aprendizado e a alegria das crianças. O  trabalho existe há quase três anos e, neste período, foram entregues mais de 300 brinquedos a instituições infantis de ensino.

Durante a entrega, o diretor-presidente da Agepen, Aud de Oliveira Chaves, frisou que o objetivo da agência penitenciária é proporcionar a ressocialização dos presos e a missão desse projeto é possibilitar a ferramenta necessária para contribuir com a educação das crianças.

“Para os internos que confeccionam esses brinquedos também é uma satisfação, porque percebem a alegria das crianças quando mostramos as fotos das entregas e isso é uma demonstração de que podem ser úteis”, destaca o dirigente.

Em forma de agradecimento, a direção do Ceinf confeccionou cartões, onde as crianças desenharam e pintaram. A entrega foi realizada pelos pequeninos às autoridades presentes.

Jogos e brincadeiras são recursos necessários na construção da identidade, da autonomia infantil e das diferentes linguagens das crianças. “A criança aprende brincando, é o lúdico que desenvolve a mente, então, o brinquedo faz parte do aprendizado e isso é fundamental na vida deles”, afirma a diretora do Ceinf, Edna Bana.

Encantada com a doação, Lídia Custódio Gamarra, que é mãe de uma das alunas, parabenizou a iniciativa. “É um trabalho lindo e fiquei muito feliz em saber que as crianças vão ter brinquedos novos e de qualidade, estavam realmente precisando”. Dentre todo o colorido das peças, o que mais chamou a atenção da filha Maria Eduarda, de 3 anos, foi o cachorrinho feito em crochê.

Idealizador e responsável pela coordenação do Educação Lúdica, na Máxima, o agente penitenciário Vinícius Saraiva, destaca que os brinquedos confeccionados no presídio são bem diferentes dos comprados nas lojas. “Primeiro pela durabilidade por conta da madeira e do crochê; segundo pela sustentabilidade, já que são feitos com sobras de madeira da marcenaria da unidade penal e para preencher o miolo da peça em crochê são usados sacos plásticos, que poderiam acabar sendo descartados no meio ambiente”, conta.

Em discurso, a secretária Municipal de Educação (Semed), Elza Fernandes Ortelhado, agradeceu a continuidade do trabalho desenvolvido pela Agepen e pelos detentos. “Parabenizo todo o empenho, dedicação e disposição em ajudar as crianças e a comunidade em geral por meio da mão de obra dos custodiados”, finalizou.

O evento de entrega dos brinquedos também contou com a participação da diretora de Assistência Penitenciária da Agepen, Elaine Arima Xavier Castro; do diretor do presídio de Segurança Máxima, Paulo Godoy, entre outros.

 

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você já tem seus candidatos para as eleições de 2018?

Votar
Resultados
SOLURB
tj ms agosto