24 de fevereiro de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
COTOLENGO
RETROSPECTIVA 2019

Confira as principais entrevistas do programa "Giro Estadual de Notícias"

O programa do "Grupo Feitosa de Comunicação" recebeu mais de 250 entrevistados no decorrer do ano. Pautas de interesse coletivo fizeram parte da pauta do programa

21 dezembro 2019 - 11h36Carlos Ferreira
O Giro recebeu diversas personalidades
O "Giro" recebeu diversas personalidades - Foto: Reprodução

Com mais de 250 entrevistados ao longo deste ano, o programa "Giro Estadual de Notícias" do Grupo Feitosa de Comunicação trouxe o melhor no que há de informação para os ouvintes do Mato Grosso do Sul. Temas relacionados a política, prestação de serviço, saúde, entretenimento e economia fizeram parte da pauta do programa de rádio líder em audiência em várias cidades do Estado. Confira as entrevistas que mais se destacaram no decorrer do ano de 2019.

JANEIRO
Em primeira mão, Claúdio Cavol abriu a agenda de 2019 do programa para falar da expedição da rota bioceânica, que desta vez será estendida até China onde produtores e empresários poderão participar e acompanhar o desenvolvimento e o trajeto de outros países. A previsão para esta 3ª viagem, segundo Cavol é para que aconteça de março até julho de 2020.

Fechando o mês, o programa “Giro Estadual de Notícias” entrevistou por telefone a empresária de turismo de Corumbá, Joice Carla Santana Marques para falar sobre a cota zero, segundo a visão dos empresários.

FEVEREIRO
No dia do Papiloscopista, perita lotada no instituto de identificação Danielle Bueno destacou o trabalho da função, em que são especializados em materializar provas técnicas ou provas periciais papiloscópicas, mediante a análise científica de vestígios deixados em práticas de delitos.  Dentre as principais tarefas dos Papiloscopistas estão o levantamento de impressões papilares em locais de crime, que são analisados e interpretá-los em laboratórios, realizar perícias papiloscópicas e proceder a diligências necessárias.

Falando sobre a chegada Ssangyong Saad em Campo Grande, o proprietário da concessionária, Ricardo Saad participou do programa Giro Estadual de Notícias para comentar sobre a instalação da revenda da marca em Campo Grande (MS), que trouxe facilidade na hora de garantir o seu veículo.

MARÇO
Muitos usuários de planos de saúde demonstram a sua insatisfação aos abusos que lhe são impostos. Em entrevista, a advogada Giovanna Trad falou como o usuário pode reconhecer o que pode ser pago, quais as possibilidades dos planos e o que o mercado oferece ao consumidor.

O pacto antenupcial, também chamado de pacto nupcial, é um contrato pré-nupcial ou convenção matrimonial firmado pelos casais antes da celebração do casamento. A tabeliã do 8º Tabelionato de Notas, Debora Catinze destacou aos ouvintes do programa o que é o pacto pós-nupcial e os acordos que rege o regime de bens vigente no casamento já celebrado.

ABRIL
Poucas pessoas sabem, mas existem métodos eficazes para cirurgias sem a transfusão de sangue. O médico e pesquisador e membro da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC) e Society For Advancement Of Blood Management (SABM), Igor Alexander de Souza falou sobre as novas tecnologias e alternativas clínicas e cirúrgicas sem o uso de sangue. “Muito mais que uma alternativa, hoje é um protocolo aprovado pela Organização Mundial da Saúde (OMS)”, diz o profissional.

Ainda falando sobre saúde, o médico e diretor do Imunitá Centro de Imunização, Dr. Alberto Jorge Félix Costa comentou sobre a vacina de prevenção a dengue que até o momento só está disponível em clinicas privadas. “Essa vacina só é disponível hoje nas clinicas privadas. Ela protege dos quatro sorotipos de dengue e tem uma limitação de idade após nove anos e adultos até 45 anos”, diz o médico.

MAIO
A deputada federal Rose Modesto (PSDB) foi contra a medida do presidente Jair Bolsonaro (PSL), que divulgou em maio o corte de verba no orçamento de 63 universidades e 38 institutos federais de ensino do País. “O que aconteceu é a prova de que não houve um governo que entendesse que a educação deve ser prioridade, e que em um momento de crise o governo deve priorizar essa área, pois o País está indo na contramão comparado a outros países desenvolvidos que conseguiram diminuir a pobreza investindo na educação”, afirma.

O vereador e delegado da Polícia Civil, Wellington de Oliveira (PSDB) entrou no radar dos chamados “bolsominions” ao propor uma moção de repúdio ao deputado federal Trutis (PSL), que criticou o delegado Wellington após fazer uma moção de congratulações a atletas de Campo Grande. “Ele sequer conhece o prefeito de Campo Grande, a Câmara Municipal nunca viu este deputado. Estamos conhecendo ele em meio a uma polêmica, e isto é coisa de política velha. A regra aqui é clara: quem quiser se aparecer, que trabalhe e traga resultados para o povo”, ressalta.

JUNHO
Após mensagens vazadas de Sergio Moro, onde foram evidenciadas trocas de informações entre o então juiz federal e procuradores que atuavam na força-tarefa da operação Lava Jato, o deputado Vander Loubet (PT) criticou a forma tendenciosa de que Sérgio Moro tocou a Lava-Jato e que deveria ser alvo de investigações. “Isso é só o começo e reforça tudo o que havíamos dito sobre a perseguição com Lula e ao PT. A lei é clara, o Ministério Público é um órgão investigador e o acontecido mostra o quanto Sérgio Moro conduziu toda essa operação, com troca de informações, orientações de como o MPF deveria se comportar. O magistrado não pode trocar informações, e ele fez isso”, comentou.

A proprietária da rede “MyCookies”, Natalie Pavan, começou vendendo biscoito na porta de escolas e hoje conta com 25 lojas espalhadas pelo Brasil e faturamento previsto de R$ 10 milhões até o fim do ano. A marca está presente em seis estados, além de uma fábrica em Campo Grande (MS), e projeto próprio de franquia iniciado em outubro de 2018. A empresária explicou que o planejamento foi a chave para o sucesso do negócio. “Até os planejamentos em curto prazo são válidos, pois o varejo é isso. Tem que mudar rápido a todo instante por que as coisas mudam rápido”, diz.

JULHO
Em entrevista ao programa “Giro Estadual de Notícias”, a senadora federal Simone Tebet (MDB) tratou de assuntos como a reforma da Previdência, além da “mini” reforma tributária, que unificaria impostos federais. A previsão lhe foi revelada pelo ministro Paulo Guedes. “Isso vai diminuir o imposto que o trabalhador ou comerciante paga. Pagando menos impostos, empresários vão contratar mais funcionários e gerar mais empregos”, comenta

O procurador-geral de Justiça, Paulo Passos, considerou um crime o vazamento de mensagens entre os membros da Operação Lava-Jato e o ex-juiz Sérgio Moro, divulgado pelo The Intercept Brasil, Folha de São Paulo, Veja, Band News e outros veículos. As informações foram dadas durante entrevista ao programa Giro Estadual de Notícias. Paulo comentou também sobre os gastos do MPE com passagens e diárias que cresceram 10 vezes neste ano.  "Os gastos do MPE são colocados no Portal da Transparência. São gastos compatíveis, subordinados ao controle do Tribunal de Contas, do Conselho Nacional do Ministério Público e inferior à inflação

AGOSTO
A aprovação do projeto de lei sobre abuso de autoridade levou a Amamsul (Associação dos Magistrados de Mato Grosso do Sul) a convocar protesto e pedir apoio da população para que o presidente Jair Bolsonaro vete a mesma. O juiz e presidente da entidade, Eduardo Siravegna falou sobre o tema. “Se um policial algemar um preso em flagrante sem necessidade, o policial vai ser punido com prisão pelo simples fato de ter algemado o bandido. Eu costumo dizer que se este projeto for aprovado, deve ser chamado de ‘Estatuto do Bandido’, que vai proteger o criminoso”, afirma.

O deputado estadual Capitão Contar (PSL) considerou que o mesmo projeto de lei foi uma forma de enfraquecer o Lava-Jato. “Eu fiquei indignado e achei vergonhosa a forma que este projeto foi votado na Câmara. É uma tentativa de enfraquecer o Lava-Jato, pois aqueles que têm ‘rabo-preso’, estão com medo dos avanços que o combate a corrupção tem mostrado neste governo. Nas próximas eleições não podemos escolher estes parlamentares para nos representar em Brasília”, afirma o deputado.

SETEMBRO
O delegado e responsável pela 6ª Delegacia de Polícia da Capital, Bruno Urban orientou os ouvintes de um novo golpe vem deixando algumas pessoas apreensivas. Golpistas se passando por financeiras e anunciando nas redes sociais, empréstimo para pessoas com a restrição de crédito, subtraindo uma quantia que elas já não têm. “Esses marginais estão aproveitando do desespero das pessoas para aplicar este tipo de golpe. Eu venho acompanhado nas redes sociais falsas financeiras que estão na procura pelas suas vitimas, é necessário tomar cuidado”, disse.

Com a reforma da Previdência especialistas da área vem atuando em todo o País devido a preocupação da população com relação à aposentadoria e afastamento por doenças como câncer ou psíquicas, como a depressão. A advogada e especialista em direito previdenciário, Priscila Arraes Reino, ressaltou que todos estão sujeitos a se ausentar de suas atividades devido uma doença psiquiátrica.

OUTUBRO
“Nós somos o equilíbrio do sistema financeiro e tributário de qualquer sociedade”. Esta foi a definição do papel do fiscal tributário estadual defendida pelo presidente do Sindicato dos Fiscais Tributários de Mato Grosso do Sul (Sindifiscal), Francisco Carlos de Assis, o Chiquinho em entrevista ao Giro Estadual de Notícias.

O secretário de Estado de Meio Ambiente, produção e Indústria (Semagro) Jaime Verruck, considera que o MS se tornou um Estado muito maduro no mês em que completou 42 anos. "Muitos dizem que aos 42 anos, somos um estado jovem, mas acho que na verdade chegamos a maturidade. Agora temos todas as condições de olhar um futuro diferente para o Estado com a diversificação da base econômica, conectividade e tecnologia", destacou Verruck.

NOVEMBRO
Atender a população ampliando emendas à saúde dos municípios é uma das bandeiras do deputado estadual Cabo Almi (PT). Ele falou sobre o Reviva Centro, da destinação de R$ 30 mil em emenda parlamentar para a aquisição de medicamentos para a população do hospital Sociedade Integrada de Assistência Social de Fátima do Sul e sua posição contra a "Cota Zero".

O enjôo é um dos principais incômodos da gravidez, acometendo até 80% das mulheres no primeiro trimestre, segundo o Colégio Americano de Ginecologia e Obstetrícia. O tema é tão recorrente nos consultórios que o especialista em obstetrícia ginecologista Edvardes Carmona Gomes, que é diretor da Associação de Ginecologia e Obstetrícia de Mato Grosso do Sul (SOGOMAT-SUL) alertou dos perigos dos vômitos constantes.

DEZEMBRO
A calvície sempre foi um problema que tirou o sono de muitos homens, mas o que poucos sabem é que além da estética, o homem careca deve ter o cuidado redobrado para não ter problemas, como o câncer de pele. O médico dermatologista e especialista em implantação capilar Baltazar Sanabria, em entrevista explicou que a queda de cabelo em homens não é tão comum, e que se isso acontecer é recomendável procurar um especialista.

O juiz Carlos Alberto Garcete de Almeida, titular da 1ª Vara do Tribunal do Júri de Campo Grande defendeu mudanças na legislação penal previstas do projeto de lei do pacote anticrime (PL 10372/18), que traz novas regras para a progressão de regime e incluiu a implantação do juiz de garantias. O magistrado ainda falou sobre a necessidade de pessoal no Judiciário. "A despesa é sempre escassa no poder público. Só no poder judiciário temos uma carência em MS de 50 magistrados para fazer face a demanda no poder Judiciário", frisou.

E para fechar o ano, a psicóloga Giuliana Eliza falou sobre este período de festas que a população faz promessas, estipula metas e fazem escolhas para começar o 2020 de forma mais positiva e com as expectativas de ser um ano melhor. "São momentos que paramos para refletir sobre como foi o nosso ano. E também acaba existindo uma cobrança muito grande em ser melhor no próximo ano. Mas o que não podemos perder é a esperança", afirma.

Em 2020 o programa vai continuar levando mais informação com credibilidade e responsabilidade ao seu publico. Sintonize o "Giro Estadual de Notícias", de segunda a sexta, das 07h30 às 08h30, com João Flores Jr., Rosana Siqueira e Carlos Ferreira pelo acritica.net e para as seguintes rádios de MS:

RÁDIO MARABÁ FM 93,9 – MARACAJU
RÁDIO BAND FM 104,7 - FÁTIMA DO SUL E REGIÃO DE DOURADOS
RÁDIO MONTANA FM 89,9 - INOCÊNCIA E REGIÃO DO BOLSÃO
RÁDIO SERRA FM 106,5 - RIO VERDE
RÁDIO SERRANA FM 88,7 – NIOAQUE
RÁDIO BAND FM 88,5 – PARANHOS

Para rever as entrevistas completas se inscreva no canal do YouTube ou curta a página no Facebook.

Maestro João Carlos
PMCG