Grupo Feitosa de Comunicação
 Redação: +55 (67) 3317-7890
Quinta, 30 de Março de 2017 | Desde 1980
UNIGRAN É A MELHOR
DEBATE | Terça, 31 de Janeiro de 2017 - 10:17

UFGD sediará evento internacional sobre Saúde na Fronteira

Trata-se de um evento interdisciplinar, que contará com palestrantes da Argentina, Porto Rico, México, Portugal, França, Estados Unidos, Cuba e Chile
Por: Da Redação com assessoria
UFGD sedia evento internacional sobre Saúde na Fronteira
UFGD sedia evento internacional sobre Saúde na Fronteira / Reprodução

Profissionais, pesquisadores e estudantes das áreas da Saúde e das Ciências Humanas estão convidados a participar de um evento internacional que acontecerá na Universidade Federal da Grande Dourados, para discutir “Saúde da Fronteira e Fronteira(s) na Saúde”. Em junho de 2017, a UFGD será sede do VIII Simpósio Nacional de Geografia da Saúde e do V Fórum Internacional de Geografia da Saúde, também denominado de 8º GEOSAÚDE. 

Trata-se de um evento interdisciplinar, que contará com palestrantes da Argentina, Porto Rico, México, Portugal, França, Estados Unidos, Cuba e Chile. Os organizadores do simpósio, Claudia Roma e Adeir Archanjo, docentes do curso de Geografia da UFGD, destacam que o evento é de interesse para professores e estudantes de diferentes áreas: Medicina, Enfermagem, Nutrição, Psicologia, Geografia e Ciências Sociais. 

“Os estudos de Geografia da Saúde são bastante interdisciplinares. Por exemplo, quando trabalhamos o conceito de território, reconhecemos que as políticas públicas de saúde devem ser planejadas e executadas de acordo com a realidade desse território, não considerando apenas um espaço físico e seus limites de fronteira, mas a comunidade, sua cultura, e sua forma de interagir com o meio ambiente. Então, vamos debater questões sobre tradição e modernidade e as práticas alternativas de saúde e a inter-relação de como a comunidade indígena elabora a dinâmica entre as tecnologias da medicina e suas tradições; temos pesquisas que analisam o processo saúde-doença através das representações cartográficas a fim de contribuir para as políticas públicas; vamos ter estudos sobre saúde na fronteira; saúde e o meio ambiente”, ilustra a professora Claudia. 

Na última edição, o evento teve mais de 120 trabalhos publicados, e a expectativa é de que em 2017 as inscrições cheguem próximo a este número. Os interessados em submeter artigos para o simpósio têm o prazo até 14 de fevereiro. Mais informações sobre os grupos de trabalho, datas de submissão de artigos e programação estão disponíveis no site http://www.geosaude.org/

Veja Também
Comentários
InfoImoveis
ShopCar