04 de agosto de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
agecom
UNIDADE MÓVEL

Secretaria de Saúde está em teste para tentar minimizar o tempo de espera nos postos de saúde

A Equipe Móvel de Saúde será efetivada a partir de quarta-feira (6).

5 janeiro 2016 - 17h06DA REDAÇÃO
HVM

A “Unidade Móvel de Atendimento”, que a partir dessa quarta-feira (6) deslocará profissionais médicos para as unidades de saúde com maior demanda teve seu primeiro teste de fogo na manhã de hoje, quando foi solicitado apoio às Unidades de Pronto Atendimento (UPA) da Vila Almeida e na Unidade Básica de Saúde (UBS) Guanandy, ambas com falta de profissionais médicos e que colocaram em risco o pronto atendimento à demanda.

Nessa manhã, três dos cinco profissionais médicos escalados atendiam na UPA Vila Almeida, o que ocasionou um tempo de espera por atendimento superior ao estabelecido pela Secretaria Municipal de Saúde (Sesau). Acionada, a Sesau, por determinação do secretário municipal de Saúde, Ivandro Corrêa Fonseca, determinou que as equipes antecipassem, como forma de teste, a Equipe Móvel de Saúde que será efetiva a partir de quarta-feira (6).

“Por determinação do prefeito Alcides Bernal, criamos a equipe para dar uma pronta resposta à população em termos de atendimento à saúde. Estamos em meio a uma epidemia, não podemos descuidar ou minimizar o atendimento aos pacientes que buscam as UPAs, CRSs, e demais Unidades de Saúde. Esta semana, uma série de ações, além daquelas que temos desenvolvido com sucesso até agora, serão tomadas para que Campo Grande, assim como aconteceu no primeiro período da gestão do prefeito Alcides Bernal, seja exemplo de atendimento médico e contenção da epidemia de Dengue, Chikungunya e Zica Vírus,” enfatizou Ivandro.

A partir do acionamento da Equipe Móvel, quatro profissionais médicos foram deslocados para a UPA Vila Almeida, permitindo que sete profissionais passassem a atender a enorme demanda. Para a UBS Guanandy foram remanejados três profissionais médicos.

“Não permitiremos que a população fique desassistida, e sequer que se repita o número de óbitos por descaso com a saúde como ocorreu durante a gestão anterior. As pessoas em primeiro lugar é mais do que um slogan, é uma realidade administrativa, e nada mais significativo do que a Saúde, então temos que zelar pelo atendimento com qualidade e presteza,” disse o prefeito Alcides Bernal.

Banner Whatsapp Desktop
GAL COSTA

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você vai fazer compras de Dia dos Pais neste ano?

Votar
Resultados
FORT ATACADISTA - Auxilio Emergencial  (interno)
agecom - fullbanner
Cornavirus