03 de agosto de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Conquistas PMCG
SAÚDE

Campanha de rádio estimula doação de sangue e de medula óssea

O Hemosul vai disponibilizar na quarta-feira, 9, profissionais de saúde para o cadastramento de doadores de medula óssea.

7 dezembro 2015 - 17h00
HVM

Para celebrar os 66 anos da Rádio Cultura AM de Campo Grande no próximo dia 9 de Dezembro, a emissora e o Hemosul promovem campanha “Mostre que Você é Sangue Bom!” para conscientizar a importância da doação para salvar vidas.

O evento acontece na praça do Rádio Clube, das 8 horas às 16h. O Hemosul vai disponibilizar profissionais de saúde, que vão fazer o cadastramento de doadores de medula óssea, e haverá estrutura para recepcionar os doadores.

Podem doar sangue pessoas entre 17 e 69 anos de idade e que tenham acima de 50 kg. É imprescindível estar em boas condições de saúde, ou seja, não pode apresentar sintomas de anemia, hipertensão ou hipotensão arterial no momento da doação; as mulheres grávidas ou que estiverem amamentando também não podem doar sangue. Já a doação de medula óssea será em forma de inscrição.

A diretora geral da emissora, Maria Elsa Medeiros, explica que a iniciativa surge diante dasituação dramática vividas por milhares de pessoas que precisam do transplante para salvar suas vidas . Foi observado ainda que o baixo número de doadores é devido em grande parte à  falta de informação. “Numa circunstância adversa como essa, é função da emissora, que é uma concessão pública, fazer algo para ajudar de alguma forma. É nossa obrigação sermos solidários. Por isso, vamos realizar a campanha”, comenta.

Maria Elsa diz ainda que o dia 9 de Dezembro é data marcante na história da Rádio Cultura. A iniciativa “é um desafio importante e vamos trabalhar para cadastrar o maior número possível de doadores de medula óssea.” Para isso todos os comunicadores e profissionais da emissora estão engajados na iniciativa com divulgação diária em toda programação. “O transplante pode ser a única esperança de cura para pacientes com leucemia e outras doenças no sangue. Vamos ajudar a salvar vidas”, completa Maria Elsa.

A responsável pelo setor de Medula Óssea do Hemosul, Lúcia Maria da Silva, comenta que a “iniciativa de uma instituição como a Rádio Cultura é fundamental, pois, será a oportunidade de atingir o maior número de doadores. Muitas pessoas serão beneficiadas e vidas serão salvas.” É importante destacar que o transplante de medula óssea é uma opção de tratamento para as pessoas que têm doenças relacionadas ao sangue, já que ele substitui a medula doente por uma medula nova, sadia.

 

Banner Whatsapp Desktop
FORT ATACADISTA - Auxilio Emergencial  (interno)

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você vai fazer compras de Dia dos Pais neste ano?

Votar
Resultados
GAL COSTA
agecom - fullbanner
Cornavirus