16 de agosto de 2018 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
 BANNER TCE - Supremacia Lei Licitação PI 2209 (25 a 27/07 e 30 e 31/07)
AO VIVO Acompanhe a transmissão do jornal GIRO ESTADUAL DE NOTÍCIAS
Transmitido simultaneamente para as emissoras do Grupo Feitosa de Comunicação
MULHER

Subsecretaria da Mulher promove palestra sobre direito das mulheres na Planurb

A intenção é fomentar uma fala adequada sobre o tema e não reproduzir estereótipos, preconceitos e discriminação

14 junho 2018 - 07h59
A psicóloga Márcia trouxe informações quanto à abordagem dos aspectos sociológicos e jurídicos que defendem os direitos das mulheres, gênero e assédio
A psicóloga Márcia trouxe informações quanto à abordagem dos aspectos sociológicos e jurídicos que defendem os direitos das mulheres, gênero e assédio - Divulgação

A Prefeitura Municipal de Campo Grande, por meio da Subsecretaria de Políticas para a Mulher e da Agência Municipal de Meio Ambiente e Planejamento Urbano, promoveu na tarde desta terça-feira (12), no auditório da Planurb a palestra “Violência de Gênero e Assédio”, com objetivo de fortalecer os organismos municipais de políticas para mulheres.

Marcia Paulino, psicóloga social e coordenadora de Projetos e Ações temáticas da Subsecretaria de Política para Mulher, trouxe informações quanto à abordagem dos aspectos sociológicos e jurídicos que defendem os direitos das mulheres, gênero e assédio.

“As políticas para as mulheres devem ser transversais com as demais políticas como a de saúde e segurança, por exemplo. A Planurb tem nos apoiados por meio da facilitação das reuniões nos Conselhos Regionais, além disso realizamos ações de sensibilização e campanhas porque queremos que a sociedade busque informações e se sensibilize sobre o assunto”, destacou

Ainda segundo Marcia, a intenção é fomentar uma fala adequada sobre o tema e não reproduzir estereótipos, preconceitos e discriminação contra as mulheres vítimas de violência.

“As políticas para as mulheres são o resultado da luta por iguais direitos e oportunidades para mulheres e homens, seja na igualdade de política e ocupação de cargos de poder e decisão, no trabalho e por igualdade salarial, na divisão das tarefas domésticas, nos direitos sexuais e direitos reprodutivo”, explicou

Para os funcionários, a troca de experiências e intercâmbio de informações é um dos momentos mais importantes da reunião. A assistente social e técnica da Planurb, Eunice Pedroso destaca que é muito importante receber orientação.

“Um dos grandes desafios é enfrentar todas as formas de violência contra a mulher. Então, discutir e saber que existem alternativas para o enfrentamento à violência nunca é demais, pelo contrário, só nos fortalece para sermos protagonistas na construção de uma sociedade mais justa”, acrescentou Eunice.

Em caso de violência ou outras informações, procure a Casa da Mulher Brasileira, na Rua Brasília, s/n, Jardim Imá. Telefone: (67)3314-7550; Policia Militar por meio do telefone: 190 e Guarda Municipal: 153. Outras informações estão disponíveis na SEMU, rua 15 de Novembro, 1.373, Centro, telefone: (67) 3314-4522.

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você já tem seus candidatos para as eleições de 2018?

Votar
Resultados
João Bosco e Banda
VAZIO SANITÁRIO