21 de março de 2019 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
BANNER TCE - Gestão Descentralizada (18 a 22/03)
CRIME AMBIENTAL

Polícia Militar Ambiental prende infrator por pesca predatória e dois pescadores fogem

Os pescadores fugitivos, se identificados, serão autuados administrativamente e multados entre R$ 700,00 e R$ 100.000,00 cada um e responderão pelo crime de pesca predatória

16 março 2019 - 10h27Da Redação com Assessoria
O pescado será doado para instituições filantrópicas
O pescado será doado para instituições filantrópicas - Foto: Divulgação

Policiais Militares Ambientais de Aparecida do Taboado realizavam fiscalização fluvial nesta sexta-feira (15), no município de Selvíria e prenderam um pescador por pescar com redes de pesca.

O infrator pescava no rio Paraná e foi surpreendido no momento em que conferia as redes de pesca armadas no rio. Dois peixes (1 kg) que tinham sido retirados das redes e que estavam vivos foram soltos. As redes utilizadas na pescaria ilegal foram apreendidas.

O pescador de 47 anos e que não teve o nome divulgado, residente Selvíria, foi autuado administrativamente e multado em R$ 700,00. Ele responderá por crime ambiental de pesca predatória. A pena é de uma a três anos de detenção.

Durante a detenção do pescador, dois infratores que estavam em outra embarcação do outro lado do rio pescando com redes, fugiram pela mata ao avistar os policiais. A equipe realizou diligências, mas não encontrou os pescadores. Foram apreendidos um barco e um motor de popa, além de 20 kg de pescado e redes de pesca abandonados pelos infratores.

Os pescadores fugitivos, se identificados, serão autuados administrativamente e multados entre R$ 700,00 e R$ 100.000,00 cada um e responderão pelo crime de pesca predatória. O pescado será doado para instituições filantrópicas.

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você considera que o uso da internet em excesso esteja incentivando os jovens a cometerem suicídio?

Votar
Resultados
DENGUE
Camara.ms