06 de junho de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
jbs
CRIME AMBIENTAL

Após denúncias, dupla é autuada por manter 16 espécies de aves silvestres em cativeiro

A dupla foi autuada administrativamente e multados em R$ 8 mil

22 fevereiro 2020 - 08h35Carlos Ferreira
Os pássaros serão encaminhados ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), em Campo Grande
Os pássaros serão encaminhados ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), em Campo Grande - Foto: Divulgação/Assessoria PMA

Foram presos no fim da tarde de ontem (21) em Anaurilândia, a 371 km de Campo Grande, dois homens que mantinham em cativeiro diversas espécies de aves silvestres de forma ilegal em uma residência. A Polícia Militar Ambiental (PMA) conseguiu chegar até o local após receber denúncias.

Foram encontradoas 16 pássaros, sendo 4 (quatro) canários-da-terra (Sicalis flaveola brasilienses); 4 (quatro) curiós (Sporophila angolensis); 4 (quatro) bigodinhos (Sporophila lineola), 2 (dois) coleiros-do-brejo (Sporophila collaris); 1 (um) patativa-verdadeira (Sporophila plumbea) e 1 (um) papa-capim (Sporophila caerulescens), que estavam em gaiolas na residência principal e em outra nos fundos.

A dupla foi autuada administrativamente e multados em R$ 8 mil. Eles vão responder por crime ambiental e podem pegar de seis meses a um ano de prisão. Os pássaros serão encaminhados ao Centro de Reabilitação de Animais Silvestres (CRAS), em Campo Grande.

Confira as fotos:

ABRASEL - FIEMS

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você é a favor do adiamento das eleições municipais?

Votar
Resultados
FORT ATACADISTA INTERNO