12 de agosto de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
BANNER TCE - Prazos Processuais (10/08 a 13/08)
WILDFIRE

MS é escolhido para sediar evento internacional de incêndios florestais

Mato Grosso do Sul vai sediar a 7ª edição da Conferência Mundial de Incêndios Florestais – a Wildfire, a ser realizada no ano de 201

13 dezembro 2015 - 15h39Da redação
Arquivo
FAMASUL - SENAR

Mato Grosso do Sul vai sediar a 7ª edição da Conferência Mundial de Incêndios Florestais – a Wildfire, a ser realizada no ano de 2019. Em outubro, em Pyeongchang, na Coréia, durante a última edição do evento, o Brasil foi anunciado como a próxima sede.

No dia 18 de novembro, a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, enviou uma carta ao governador Reinaldo Azambuja comunicando a escolha de Campo Grande para abrigar a Conferência no país. “O Governo do Estado já havia manifestado o interesse de receber um evento desse porte e fomos informados da escolha de Campo Grande. Isso coroa os esforços desenvolvidos pela administração estadual no combate aos incêndios florestais em Mato Grosso do Sul”, informou o secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico, Jaime Elias Verruck.

A Wildfire reunirá participantes de 80 países que integram as 14 Redes Regionais de Incêndios Florestais das Nações Unidas. No Brasil, o Ibama coordena a Rede Regional Sul Americana, que engloba Argentina, Bolívia, Brasil, Colômbia, Equador, Paraguai, Uruguai, Peru, Uruguai e Venezuela. As redes trabalham para criar diretrizes nacionais e internacionais sobre uso do fogo nos diversos ecossistemas. Cerca de 600 pessoas devem participar da Conferência.

“Vamos mostrar os avanços da nossa legislação, a experiência com o manejo do fogo dentro de terras indígenas e unidades de conservação, além da Política Nacional de Manejo e Controle de Queimadas. Receber a conferência é um reconhecimento importante”, avalia o coordenador do Núcleo de Operações e Combate aos Incêndios Florestais do Ibama, Rodrigo Falleiro.

Banner Whatsapp Desktop
agecom - fullbanner
Cornavirus