02 de julho de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Saraiva de Rezende - SR Construtora
AO VIVO Acompanhe a transmissão do jornal GIRO ESTADUAL DE NOTÍCIAS
Transmitido simultaneamente para as emissoras do Grupo Feitosa de Comunicação
CAMPANHA

MS adere à campanha nacional contra a violência doméstica

Aqui no Estado, as ações são desenvolvidas em parceria pela Coordenadoria da Mulher do Tribunal de Justiça e a Subsecretaria Estadual de Políticas Públicas para Mulheres

30 junho 2020 - 10h04
O sinal – um código silencioso
O sinal – um código silencioso - ( Foto: Divulgação/ SECOM MS)

O X vermelho nas mãos pode salvar vidas. O sinal – um código silencioso – é o símbolo da campanha nacional de ajuda a vítimas de violência doméstica em tempos de pandemia, lançada em todo o país no dia 10 de junho.

Aqui no Estado, as ações são desenvolvidas em parceria pela Coordenadoria da Mulher do Tribunal de Justiça e a Subsecretaria Estadual de Políticas Públicas para Mulheres. Helena Alice Machado Coelho, juíza que responde pela Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar em Mato Grosso do Sul, explica que o objetivo da campanha é incentivar as mulheres vítimas de violência doméstica a procurarem uma farmácia com um X vermelho na mão, e a exibirem o sinal ao atendente ou farmacêutico. Este, por sua vez, acionará a polícia pelo telefone 190.

Para a subsecretária estadual de Políticas Públicas para Mulheres, Luciana Azambuja, o X vermelho na mão é uma forma da mulher pedir ajuda, sem precisar de palavras. Segundo ela “em tempos de pandemia, quando a convivência familiar está ampliada e o agressor está sempre por perto, ter códigos silenciosos é muito importante.

Na semana passada, a Polícia Militar foi acionada, por meio do Promuse (Programa Mulher Segura), para atender uma mulher que estava sendo mantida em cárcere privado e em violação de direitos, graças a uma foto enviada para um familiar, com o X vermelho na mão.