13 de dezembro de 2018 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Campanha IPTU 2019 - Reposição,
INTERNACIONAL

Equador afirma ter acordo para libertar Assange

7 dezembro 2018 - 07h37

O presidente do Equador, Lenín Moreno, disse nesta quinta-feira que o governo britânico deu garantias suficientes para que o fundador do WikiLeaks, Julian Assange, deixe a Embaixada do Equador em Londres, onde ele está refugiado desde 2012.

De acordo com Moreno, Londres aceitou não extraditá-lo a nenhum país em que ele corra perigo de vida ou que haja pena de morte. "Está dado o caminho para que Assange tome a decisão de sair (da embaixada)", disse o presidente. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

TJMS – Campanha do TJMS – SEMANA NACIONAL DA RECONCILIAÇÃO
fullbanner-prestacao-contas-468x60px-cmcg-nov18