02 de julho de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Saraiva de Rezende - SR Construtora
AO VIVO Acompanhe a transmissão do jornal GIRO ESTADUAL DE NOTÍCIAS
Transmitido simultaneamente para as emissoras do Grupo Feitosa de Comunicação
DICAS

Carol Sandler ensina mulheres a discutir a relação com o dinheiro

Fundadora do site Finanças Femininas estará nesta terça-feira em palestra do Sebrae

15 maio 2017 - 17h30DA REDAÇÃO
A palestra faz parte do projeto Empreendedorismo Feminino em Pauta, criado em 2013 pelo Sebrae
A palestra faz parte do projeto Empreendedorismo Feminino em Pauta, criado em 2013 pelo Sebrae - Divulgação

Nesta terça-feira, 16 de maio, às 19 horas, acontece no auditório da sede do Sebrae em Campo Grande a palestra “Empresárias e dinheiro: discutindo a relação”, da empreendedora e jornalista Carol Sandler, que dá dicas de como construir o negócio dos sonhos e orienta sobre as dificuldades que as mulheres enfrentam na gestão financeira de suas empresas.

“Vou falar como é que as mulheres podem ter uma relação mais saudável com o dinheiro”, afirma a fundadora e CEO do site Finanças Femininas, e coautora do livro “Finanças femininas – Como organizar suas contas, aprender a investir e realizar seus sonhos”.

Carol Sandler estudou economia no Institut d’Études Politiques de la France, em Paris. Trabalhou na Agência Estado, onde cobriu mercados financeiros internacionais e macroeconomia. Teve experiência como Relações Públicas em São Paulo e em Singapura, e especializou-se em produção de conteúdo para internet.

A palestra faz parte do projeto Empreendedorismo Feminino em Pauta, criado em 2013 pelo Sebrae. O investimento é de R$ 30 e as inscrições são feitas neste link. Mais informações: 0800 570 0800.

Empreendedorismo feminino em MS

De acordo com levantamento realizado pelo Sebrae/MS no início deste ano, o número de empreendedoras nas micro e pequenas empresas de Mato Grosso do Sul cresceu 24% nos últimos dez anos. Atualmente, o estado possui 102 mil mulheres que são donas do próprio negócio, representando 25% do total de micro empreendimentos existentes.

O segmento em que há mais empreendedoras atuando é o do comércio, com 49% das empresárias, seguido pelo setor de serviços, com 40%. As mulheres já somam quase metade dos empreendedores que iniciam o próprio negócio no Brasil e 40% das empresas consolidadas no mercado são geridas por elas.