20 de setembro de 2019 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
ANDORINHA
ACIDENTE

Avião de pequeno porte cai no aeroporto em Campo Grande deixando 2 mortos

Um avião de pequeno porte caiu, por volta das 6h30 da manhã de hoje, nas imediações do Aeródromo de Santa Maria em Campo Grande, saída para Três Lagoas.

15 maio 2019 - 07h20Da redação
O Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 6h20 com a informação da queda da aeronave durante uma tentativa de pouso
O Corpo de Bombeiros foi acionado por volta das 6h20 com a informação da queda da aeronave durante uma tentativa de pouso - (Foto: Divulgação)

Um avião de pequeno porte caiu na manhã desta quarta-feira (15) quando tentava pousar no Aeroporto Santa Maria, em Campo Grande, na saída para Três Lagoas. A aeronave teria explodido com a queda. 

Informações preliminares são de que o avião tentava pousar quando caiu e teria explodido ao tocar o solo.  No avião, estavam apenas duas pessoas, e uma das vítimas que foram indetificadas foi o empresário da empresa Ultramedical, Pedro Arnaldo Montemor dos Santos, e sua esposa, Silvana Maria Pizzo dos Santos. Bombeiros confirmaram que os mortos são um homem e uma mulher. 

Segundo apurado pela reportagem, o empresário e a esposa seguiam para uma fazenda na região do Pantanal. O avião era do modelo Beechcraft Bonanza. O piloto teria decolado com poucas condições de visibilidade e usando instrumentos para navegação, quando notou que não seria possível continuar e tentou voltar ao aeroporto, caindo em seguida. 

 


Pedro Arnaldo dos Santos e a esposa Silvana dos Santos

Eles conseguiram fazer contato para solicitar ajuda. Ainda não se sabe como aconteceu o pouso e a razão da instabilidade.

Uma das vítimas, Silvana, esposa da também vítima Pedro Arnaldo dos Santos, hoje pela manhã, deixou um bilhete para a empregada dizendo que ambos estariam indo para fazenda. O acidente deve ter ocorrido depois das 06h08, horário em que Silvana acessou pela última vez o seu celular.


O empresário e a esposa seguiam para uma fazenda na região do Pantanal, e deixaram um bilhete para funcionária

 

TJMS