19 de setembro de 2018 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
HVM - INCORPORACOES
DEFESA CIVIL

Acesso alternativo que irá tirar Jardim do isolamento será entregue nesta semana, diz Agesul

Ponte construída pelo governo anterior não resistiu a temporal

12 março 2018 - 12h00
Gerente regional da Agesul em Jardim, Edmilson Nogueira Escobar, explica que a chuva na semana passada atrasou a obra, mas as equipes voltaram a trabalhar
Gerente regional da Agesul em Jardim, Edmilson Nogueira Escobar, explica que a chuva na semana passada atrasou a obra, mas as equipes voltaram a trabalhar - Fotos: Agesul / Divulgação

Apesar da chuva de sexta-feira (9), o acesso alternativo à ponte de concreto do rio dos Velhos, em Jardim, será entregue até o fim desta semana, segundo a Agência Estadual de Gestão de Empreendimento (Agesul).

Gerente regional da Agesul em Jardim, Edmilson Nogueira Escobar, explica que a chuva na semana passada atrasou a obra, mas as equipes voltaram a trabalhar. “Estão todos no local. Pelo acesso já estão passando caminhonetes, mas ainda não há condição total de tráfego. Vamos entregar até quarta ou quinta-feira”, afirma.

A ponte, construída pelo governo anterior e entregue em 2014, caiu parcialmente após forte temporal e precisou ser interditada. Localizado a 234 quilômetros de Campo Grande, na região Sudoeste de Mato Grosso do Sul, Jardim tem 24 mil habitantes.

Crianças fora da escola

No fim do mês passado, a correnteza do rio deslocou um dos blocos da ponte de concreto, que foi interditada pela Prefeitura. O desvio é a única alternativa para o trânsito. Produtora de grãos e gado, a região ficou isolada.

Sem condições para transportar as crianças dos assentamentos Recanto do Miranda e Guardinha, a aproximadamente 20 quilômetros do município, as aulas precisaram ser suspensas.


Pelo acesso já passa caminhonetes, mas ainda não há condição total de tráfego

Ajuda humanitária

Em todo o Estado, mais de 65 mil pessoas foram afetadas pelas chuvas, incluindo 1.027 desalojados e 240 desabrigados, de acordo com a Defesa Civil Estadual. Dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul, 23 tiveram situação de emergência reconhecida pelo Estado por conta das chuvas intensas. 

O Governo do Estado tem dado auxílio às famílias e trabalhado nas reconstruções. Por determinação do governador Reinaldo Azambuja, a Defesa Civil Estadual entregou cestas básicas e mantas para atender a população prejudicada pelas chuvas em Miranda, Aquidauana e Anastácio.

 

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você já tem seus candidatos para as eleições de 2018?

Votar
Resultados
tj ms agosto
CORTESIA SEGOV HEPATICE C