16 de julho de 2018 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
CAMPO GRANDE EXPO
ESPORTE

Sesc-RJ vence o Praia Clube e sai na frente na decisão da Superliga

15 abril 2018 - 11h58

O Sesc-RJ se aproximou de mais um título da Superliga Feminina de Vôlei neste domingo, ao vencer a primeira partida da decisão. A equipe de Bernardinho recebeu o Dentil/Praia Clube, de Minas Gerais, na Arena Carioca 1, no Rio, e venceu por 3 sets a 1, com parciais de 26/24, 25/19, 22/25 e 25/17.

Com o resultado, o Praia Clube precisa vencer o duelo de volta, domingo que vem, às 9h10, em Uberlândia, para se manter vivo na disputa. Se isso acontecer, as equipes realizarão um set extra para definir quem vai ser a campeã da temporada 2018 da Superliga.

Apesar do triunfo do Sesc-RJ, quem começou melhor foi o Praia Clube. O time carioca encontrava muita dificuldade para brecar os ataques de Fernanda Garay, mas, aos poucos, foi se estabilizando e equilibrou a partida. O set seguiu igual até os pontos finais, e um bloqueio de Gabi definiu a vitória às donas da casa.

A vitória parcial fez o Sesc-RJ voltar mais embalado para o segundo set, no qual abriu vantagem nos primeiros pontos. O time da casa chegou a abrir sete pontos, em 14 a 7, antes que o rival ameaçasse uma reação. Mas não teve jeito, a vitória ficou com as cariocas.

Quando parecia que o Praia Clube estava morto, porém, o time visitante voltou arrasador. Novamente comandadas por Fernanda Garay, as visitantes abriram vantagem no início. O Sesc-RJ fez sua parte e voltou para a disputa, mas não conseguiu impedir que o adversário diminuísse a diferença.

A derrota, porém, fez o time carioca acordar. E no quarto set, não houve qualquer chance para o Praia Clube. Gabi, Drussyla e Monique comandaram a parcial mais desequilibrada da partida, na qual o Sesc-RJ atropelou, enquanto a equipe mineira parecia aceitar a derrota.

Melhor campanha da primeira fase, o Praia Clube tenta encerrar a hegemonia do time de Bernardinho, atual pentacampeão da Superliga, além de vingar a derrota na decisão de 2016 para o adversário carioca.

João Bosco e Banda
PI SENAR MS 2018 centroexcelencia full-banner 940x100px