11 de Dezembro de 2017 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
ENERGISA - ATÉ O DIA 10.12
ESPORTE

Prefeitura fecha parceria e beneficia 10 mil usuários do Belmar Fidalgo

Serão investidos no local cerca de R$ 250 mil. A iniciativa faz parte do Programa de Parceria Municipal (Propam) e prevê que as empresas privadas realizem reforma, revitalização e manutenção da Praça.

7 Dezembro 2017 - 12h02
O prefeito lembrou que nesses onze meses da nova gestão municipal, Campo Grande conseguiu colher uma série de resultados através de parcerias com a iniciativa privada.
O prefeito lembrou que nesses onze meses da nova gestão municipal, Campo Grande conseguiu colher uma série de resultados através de parcerias com a iniciativa privada. - Foto: MS GOV

“Ninguém é dono de Campo Grande e, sendo assim, não é possível um gestor obter sucesso se optar por administrar sozinho a sua cidade”. Com essa afirmação, o prefeito Marquinhos Trad agradeceu nesta manhã a parceria dos grupos Plaenge Empreendimento e Cooperativa Sicredi, que nos próximos dois anos irão cuidar da Praça Belmar Fidalgo. O convênio foi assinado nesta manhã, no Paço Municipal.

Serão investidos no local cerca de R$ 250 mil. A iniciativa faz parte do Programa de Parceria Municipal (Propam) e prevê que as empresas privadas realizem reforma, revitalização e manutenção da Praça. Em contrapartida as empresas poderão realizar propagandas no local.

Além da reforma dos banheiros e reposição da areia das quadras e do parque infantil, o convênio prevê proposta paisagística, reparos da arquibancada ao prédio da administração, poda da grama e das árvores, manutenção nos bancos e lixeiras, além da parte elétrica, chuveiros, grades, entre outras melhorias.

Ao lembrar que assumiu a administração há 11 meses com os nove principais parques da cidade interditados pelo Ministério Público, Marquinhos reforçou a importância da participação da sociedade na administração pública. “As gestões anteriores empurraram a situação tirando da população o direito de frequentarem estes locais. Houve o descaso já que não se buscou uma saída e ninguém quis se responsabilizar por isso. A cidade pertence a todos nós e as ideias podem até partir daqui da prefeitura, mas se não houver o chamamento público da sociedade e empresas para dentro da administração municipal, como este ato de hoje, a cidade não conseguirá prosperar”, disse.

O prefeito lembrou que nestes onze meses da nova gestão municipal, Campo Grande conseguiu colher uma série de resultados através de parcerias com a iniciativa privada.

“Por meio de parceria já conseguimos recuperar as piscinas no Parque Tarsila do Amaral, dando oportunidade para muitas pessoas que nunca tiveram acesso a uma piscina. São muitos os relatos. No Aero Racho instalamos a primeira academia pública, que recebe mais de 600 pessoas assistidas por profissionais capacitados, tudo de maneira gratuita. No Jacques da Luz criamos a primeira escola pública de balé, onde mais de 100 meninas estão realizando um sonho, que até então não estava ao alcance dessas famílias. Sem falar nas escolas públicas de futebol que já reúne mais de mil crianças em todas as regiões e distritos de Campo Grande”, relatou Marquinhos.

DSC_0180

O diretor do grupo Plaenge, Edson Holzmann, destacou a iniciativa da atual gestão em aproximar as empresas do poder público. “Posso falar em nome de todo o grupo, que estamos felizes com a ideia de fazer essa gestão compartilhada. Essa iniciativa do prefeito aproxima mais as empresas. Mas isso acontece porque o prefeito está demonstrando que existe responsabilidade e compromisso em suas ações. Ele está estimulando as empresas para interagir e com isso vamos crescer e desenvolver juntos com a cidade que tão bem nos acolhe”.

DSC_0198

O presidente da Sicredi União MS/TO, Celso Ramos Regis também falou da credibilidade da nova administração como fator principal da retomada das parcerias público-privadas em Campo Grande. “Tanto a Sicredi como a Plaenge estão há cerca de 30 anos na cidade e acompanharam todas as dificuldades que a população enfrentou nos últimos anos. Temos orgulho de fazer parte dessa recuperação que é tão importante para os campo-grandenses. Essa revitalização do Belmar Fidalgo é sem dúvida um grande presente para Campo Grande”, ressaltou.

A Praça Esportiva Belmar Fidalgo, que possui quadras poliesportivas, quadras de areia, pista de corrida e caminhada, banheiros, duchas, campo de futebol, playground infantil, área para ginástica e sede administrativa, receberá obras de revitalização da parceria empresa público privada, garantindo mais recursos da Prefeitura para o desenvolvimento de oficinas de esporte e lazer.

A praça conta com diversas oficinas do Programa Movimenta Campo Grande, onde atende milhares de pessoas com os projetos ‘Lazer e Cidadania’ e ‘Escola Pública de Futebol’ de segunda a sábado, além da realização de eventos e campeonatos esportivos.

Ao lembrar que Campo Grande é uma das capitais com mais praças e parques públicos do país, o diretor-presidente da Fundação Municipal de Esporte (Funesp), Rodrigo Terra, falou do desafio da administração em fortalecer cada vez mais as parcerias com a iniciativa privada, para ajudar na preservação destes espaços.

DSC_0135

“Estamos conseguindo conscientizar a sociedade da importância da participação de todos nesta tarefa tão importante, que é a de cuidar dos espaços coletivos. Quando essas empresas vêm somar conosco nos permite melhorar a prestação de serviços, neste caso, oferecendo atividades de esporte e lazer para a população, que é quem efetivamente ganha com essas iniciativas. Juntos estamos construindo um novo momento para o esporte e lazer em Campo Grande”, comemorou Terra.

Sobre a Praça Esportiva Belmar Fidalgo

Antigo Estádio Belmar Fidalgo, está localizado no Centro de Campo Grande. Seu terreno foi doado em 1930. Sua primeira estrutura foi construída em 1933 como estádio de futebol. Em 1987, tornou-se uma praça esportiva. Em 1994, o local passou por uma grande reforma e em 2010 novas melhorias foram feitas principalmente nas quadras poliesportivas.

O Propam

Na busca do desenvolvimento municipal e a conservação e utilização do local, a Agência Municipal de Meio Ambiente e Planejamento Urbano (Planurb) por meio do Propam já tem parcerias com mais de 69 empresas que cuidam e mantêm 105 áreas públicas adotadas desonerando a Prefeitura Municipal.

O ato de assinatura do convênio contou com a participação da diretora-presidente da Planurb, Berenice Jacob Domingues; do secretário municipal de Governo e Relações Institucionais, Antônio César Lacerda e do secretário municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana, José Marcos da Fonseca.

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

O assunto mais comentado recentemente foi o discurso do deputado federal Tiririca que disse deixar a vida pública, mas que não renunciou ao mandato e permanece até final de 2018. O que você achou?

Votar
Resultados
REFIS GOVERNO PRESENTE 2 - DE 16.11 ATE 22.11
DENGUE CORTESIA