04 de agosto de 2020 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
Conquistas PMCG
SÃO SILVESTRE

91ª Corrida de São Silvestre terá campeã de 2012

Maurine Kipchumba, do Quênia, tentará retomar a hegemonia da prova para seu país.

27 dezembro 2015 - 09h02DA REDAÇÃO
Divulgação
HVM

A vitória da etíope Ymer Ayalew, no ano passado, acabou com a hegemonia de seis anos das corredoras do Quênia na Corrida Internacional de São Silvestre. Para tentar recuperar essa condição, o país africano terá em 2015, entre outros destaques, justamente a campeã de 2012. Maurine Kipchumba, da Equipe Luana Sports/Caixa, está confirmada para a corrida, que acontecerá no dia 31 de dezembro, encerrando o ano esportivo nacional. Ela, aliás, se junta com a vencedora no ano passado no grupo de sérias candidatas ao topo do pódio.

A largada para o percurso de 15 km será na Avenida Paulista, altura da rua Frei Caneca, e a chegada será em frente ao prédio da Fundação Cásper Líbero, no número 900 da Paulista. O pelotão de elite feminino terá a largada às 8h40. Logo em seguida, às 9h, será a vez do pelotão de elite masculino, e atletas em geral. Cadeirantes largarão às 8h e demais atletas com deficiência às 9h.

Maurine Kipchumba já é bem conhecida do público brasileiro. Sua primeira conquista no país foi em 2012, quando venceu a Volta Internacional da Pampulha. Ainda em 2012, ganhou a Corrida Internacional de São Silvestre, fechando o ano com dois resultados bastante expressivos. No ano seguinte, foi vice-campeã na Meia Maratona Internacional do Rio de Janeiro e bicampeã da Volta da Pampulha. De volta às provas no país, ela será um dos destaques no dia 31.
Outras atrações estrangeiros na Elite da 91ª Corrida Internacional de São Silvestre são as quenianas Caroline Komen, campeã da Maratona Internacional de São Paulo 2015, Gladys Kemboi, vencedora da Corrida Eu Atleta Rio 2015, ambas da equipe Coquinho Fila/Bioleve, Delvine Meringor, quinta nas duas últimas edições da São Silvestre, da Luasa Sports/Caixa, e Purity Rionoripo, vencedora da Maratona de Lisboa deste ano; as tanzanianas, Natalia Sulle (Coquinho-Fila/Bioleve), campeã das Meia Maratona da Tanzânia, e Failuna Matanga (Luasa Sports/Caixa), décima na prova no ano passado.

Kit
A programação da prova prevê como primeira atividade a retirada do kit e do chip. Esta acontecerá nos dias 27, 28 e 29 de dezembro das 9h às 19h, e no dia 30 de dezembro, das 9h às16h, no Ginásio Estadual Geraldo José de Almeida - Rua Manoel da Nóbrega, 1361, em São Paulo. O atleta deverá comparecer pessoalmente. Não haverá entrega de kits e chips para terceiros. O kit deverá ser retirado preferencialmente pelo atleta inscrito. Para retirada por terceiros, verificar o regulamento da prova no site oficial do evento.

Banner Whatsapp Desktop
GAL COSTA

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você vai fazer compras de Dia dos Pais neste ano?

Votar
Resultados
FORT ATACADISTA - Auxilio Emergencial  (interno)
Cornavirus
agecom - fullbanner