12 de dezembro de 2018 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
 full banner da campanha da Dengue do Governo
ECONOMIA

Vendas do varejo sobem 0,9% em janeiro ante dezembro, revela IBGE

As vendas do varejo restrito acumularam crescimento de 3,2% no ano. No acumulado em 12 meses, houve avanço de 2,5%

13 março 2018 - 08h24
Na comparação com janeiro de 2017, sem ajuste, as vendas do varejo ampliado tiveram alta de 6,5% em janeiro de 2018
Na comparação com janeiro de 2017, sem ajuste, as vendas do varejo ampliado tiveram alta de 6,5% em janeiro de 2018 - Foto: Jornal do Comércio / UOL

As vendas do comércio varejista subiram 0,9% em janeiro ante dezembro, na série com ajuste sazonal, informou nesta terça-feira, 13, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O resultado veio dentro do intervalo das estimativas dos analistas ouvidos pelo Projeções Broadcast, que esperavam desde uma estabilidade (0,0%) a avanço de 2,3%, com mediana positiva de 0,5%.

Na comparação com janeiro de 2017, sem ajuste sazonal, as vendas do varejo tiveram alta de 3,2% em janeiro de 2018. Nesse confronto, as projeções iam de uma expansão de 1,2% a 8,2%, com mediana positiva de 3,3%.

As vendas do varejo restrito acumularam crescimento de 3,2% no ano. No acumulado em 12 meses, houve avanço de 2,5%.

Quanto ao varejo ampliado, que inclui as atividades de material de construção e de veículos, as vendas caíram 0,1% em janeiro ante dezembro, na série com ajuste sazonal. O resultado veio dentro do intervalo das estimativas do mercado financeiro, captadas pelo Projeções Broadcast. Eles esperavam desde um recuo de 2,2% até um avanço de 1,7%, com mediana positiva de 0,05%.

Na comparação com janeiro de 2017, sem ajuste, as vendas do varejo ampliado tiveram alta de 6,5% em janeiro de 2018. Nesse confronto, as projeções variavam de uma expansão de 1,8% a 9,0%, com mediana positiva de 6,60%.

As vendas do comércio varejista ampliado acumularam alta de 6,5% no ano. Em 12 meses, o resultado foi de avanço de 4,6%, segundo o IBGE.

TJMS – Campanha do TJMS – SEMANA NACIONAL DA RECONCILIAÇÃO
Rubeola