25 de junho de 2018 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
- SEBRAE INSTITUCIONAL
ECONOMIA

Gráfico de pontos do Fed mostra que maioria prevê 4 altas de juros em 2018

13 junho 2018 - 14h22

A maioria dos dirigentes do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) prevê que os juros da economia americana chegarão ao final deste ano na faixa entre 2,25% e 2,50%, apontou o gráfico de pontos da instituição divulgado logo após a decisão de política monetária da instituição. Nesta quarta-feira, o Fed elevou a taxa dos Fed funds em 0,25 ponto porcentual para o intervalo entre 1,75% e 2,00%.

De acordo com o gráfico, dois dirigentes veem os juros na faixa atual - entre 1,75% e 2,00% - até o fim deste ano. Já cinco dirigentes veem os juros entre 2,00% e 2,25% até 2018, o que equivaleria a mais uma elevação de 0,25 ponto porcentual. No comunicado da reunião de março, seis dirigentes previam que os juros chegariam ao fim do ano nessa faixa.

A principal mudança esteve no apontamento de que sete dirigentes veem os juros na faixa entre 2,25% e 2,50% no fim deste ano, o que equivaleria a mais duas elevações de 0,25 ponto porcentual, totalizando quatro altas em 2018. A mediana das projeções para a taxa dos Fed funds em 2018 subiu de 2,1% para 2,4%. O total de cinco altas no ano é endossado por apenas um dirigente, de acordo com o gráfico de pontos

Em relação a 2019, a mediana das projeções para a taxa dos Fed funds subiu de 2,9% para 3,1%. Entre os dirigentes, quatro acreditam que os juros chegarão ao fim do próximo ano na faixa entre 2,75% e 3,00%, enquanto outros quatro preveem que a taxa ficará entre 3,00% e 3,25%. Mais três dirigentes preveem que as taxas de juros ficarão na faixa entre 3,25% e 3,50% no fim do próximo ano.

Para 2020, a mediana das projeções para a taxa dos Fed funds se manteve em 3,4%, enquanto a mediana das estimativas para os juros no longo prazo permaneceu inalterada em 2,9%.

ALMS CORTESIA
TJ MS