20 de novembro de 2018 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
campanha do Governo do Estado - poliomielite - Programa Nacional de Imunização
ECONOMIA

França quer pagar dívidas antes de altas nos juros, diz ministro das Finanças

Le Maire afirmou que qualquer receita tributária acima da expectativa em 2018 deve ser destinada a pagar dívidas, não a gastos públicos extras

15 fevereiro 2018 - 10h02
A França poderia ainda adotar medidas para cortar mais seu endividamento, disse ele, sem dar detalhes
A França poderia ainda adotar medidas para cortar mais seu endividamento, disse ele, sem dar detalhes - Foto: SteelGuru

O ministro das Finanças da França, Bruno Le Maire, afirmou nesta quinta-feira que o país redobrará seus esforços para pagar sua dívida, já que os juros devem subir até o fim deste ano. Com um endividamento equivalente a quase 10% da produção econômica anual, a França está "exposta" ao risco de uma elevação nos juros, disse Le Maire.

Cada ponto extra nos juros custa aos contribuintes franceses 3 bilhões de euros, informou o ministro. "A dívida é um veneno para a economia francesa", disse ele em conferência no Ministério das Finanças em Paris.

Le Maire afirmou que qualquer receita tributária acima da expectativa em 2018 deve ser destinada a pagar dívidas, não a gastos públicos extras. A França poderia ainda adotar medidas para cortar mais seu endividamento, disse ele, sem dar detalhes.

A dívida da França era equivalente a 98,1% do Produto Interno Bruto (PIB) no fim do terceiro trimestre, segundo os dados oficiais mais recentes. Em sua apresentação orçamentária no fim de setembro, o governo disse esperar que ela se estabilize em 96,8% do PIB em 2018. 

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você é a favor das novas exigências feitas pelo futuro governo a Cuba para manutenção dos médicos cubanos no Mais Médicos?

Votar
Resultados
Rubeola
TJMS – Campanha do TJMS – SEMANA NACIONAL DA RECONCILIAÇÃO