14 de novembro de 2018 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
banner Mudanças - Assembléia Legislativa - período de 09/11 a 30/11
ECONOMIA

BC da Rússia decide elevar a taxa básica de juros de 7,25% para 7,50%

14 setembro 2018 - 06h44

O Banco Central da Rússia decidiu nesta sexta-feira elevar a taxa básica de juros de 7,25% para 7,50%. Além disso, informou que estão suspensas as compras de moeda estrangeira no mercado local, o que deve conter a volatilidade cambial e sua influência na inflação nos próximos trimestres, e disse que avaliará a possibilidade de mais altas nos juros, levando em conta a inflação e a dinâmica econômica, bem como os riscos.

Segundo o comunicado da instituição, mudanças no quadro externo aumentaram os riscos inflacionários "significativamente". O BC afirma que a inflação anual deve ficar entre 5% e 5,5% em 2019, retornando a 4% em 2020. A nota aponta que as expectativas de inflação no país aumentaram, diante da volatilidade cambial. Além disso, sustenta que a depreciação do rublo está relacionada a mudanças nas condições externas, que também deixaram as condições monetárias um pouco mais restritas.

O BC ainda manteve sua projeção de crescimento entre 1,5% e 2% do Produto Interno Bruto (PIB) russo neste ano. Sobre a inflação, ele diz que há mais riscos de alta agora, diante das incertezas no quadro externo e de seus impactos nos mercados financeiros.

"O Banco da Rússia avaliará a necessidade de mais altas na taxa básica, levando em conta a inflação e a dinâmica econômica ante a previsão, bem como os riscos trazidos pelas condições externas e a reação dos mercados financeiros", ressalta o BC em seu comunicado.

A próxima reunião de política monetária no país ocorre em 26 de outubro.

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você está animado com a transição para um Governo Bolsonaro?

Votar
Resultados