21 de novembro de 2018 Grupo Feitosa de Comunicação
(67) 99974-5440
(67) 3317-7890
campanha do Governo do Estado - poliomielite - Programa Nacional de Imunização
FIAT CRONOS

Fiat lança Cronos para voltar a ter destaque no segmento dos sedãs

Novidade poderá chamar a sua atenção pela boa suspensão, amplo porta-malas e visual

9 fevereiro 2018 - 09h29Da Redação
É o maior espaço entre os concorrentes e nesse ponto a engenharia mandou bem. Isso sem contar o que provamos pela frente
É o maior espaço entre os concorrentes e nesse ponto a engenharia mandou bem. Isso sem contar o que provamos pela frente - Divulgação

O três volumes derivado do Argo entra em cena. Abre-alas para o sedã que chegou para resgatar a Fiat no segmento. E ele é moderno, tem visual bonito, espaçoso e refinado. Já testamos e avaliamos o carro. Vamos contar.

No primeiro olhar, nada de decepcionante. O carro é bonito. As linhas que acompanham toda a silhueta do veículo são dinâmicas e unificam a carroceria. O capô é alongado e tem aspecto de carro esporte. Os faróis cortam as laterais e contam com assinatura em LED. A grade é cromada e observe que a frente é levemente modificada (grade e friso) em relação ao Argo. O apelo esportivo está em jogo.
O Cronos poderá conquistar a sua preferência pelo visual, mas o destaque, além da arquitetura externa, é o amplo porta-malas de 525 litros. É o maior espaço entre os concorrentes e nesse ponto a engenharia mandou bem. Isso sem contar o que provamos pela frente.
 Ao entrar na cabine, o olhar é direcionado para o painel, que conta com uma tela de sete polegadas para suportar a central multimídia, compatível com Apple CarPlay e Android Auto, de série em todas as versões, permitindo acessar Waze e WhatsApp, entre outros aplicativos. Esse é um dos pontos do pacote de tecnologia que abraça o Cronos. Além disso, o carro goza de espaço interno. Nada de aperto. Você consegue, tranquilamente, cruzar as pernas no banco de trás tendo um motorista de 1,80 metros na direção.

Outros pontos de inclusão de série são o chato sistema Start&Stop para economia de combustível, partida por botão sem chave, espelhos retrovisores externos com rebatimento elétrico, tilt down e puddle lamps (luzes de cortesia que iluminam o piso à frente das portas), sensores de chuva, crepuscular e ofuscamento, ar-condicionado automático digital, câmera de ré com linhas dinâmicas, sensor de estacionamento traseiro e direção elétrica. 
Já o conjunto mecânico fica por conta de duas opções. Trata-se do 1.3 Firefly e 1.8 E.torQ EVO. As transmissões também variam. Podem ser manual, GSR Comfort automatizada e automática de seis marchas. Essas opções são divididas em quatro versões do Cronos. A Drive 1.3 MT, Drive 1.3 GSR, Precision 1.8 MT e Precision 1.8 AT6.


Quanto ao 1.8 automático de 139 cv, no Etanol, vai agradar a quem busca mais disposição. Porém o 1.3 de 109 cv e  o câmbio manual mostram que são muito “maior” do que parecem. A suspensão é uma aula de equilíbrio. O carro mede 4.364 mm e entreeixos de 2.521 mm. A medida de bitola é a seguinte: 2 mm na frente e 4 mm atrás. É mais largo que o Argo. Com a novidade, vamos ver o que será do segmento, que conta com o Cobalt, da Chevrolet, City, da Honda e o recém lançado Virtus, da Volkswagen. É esperar para ver o volume de vendas.
 

Últimas Notícias

ver todas as notícias

Enquete

Você é a favor das novas exigências feitas pelo futuro governo a Cuba para manutenção dos médicos cubanos no Mais Médicos?

Votar
Resultados
Rubeola
TJMS – Campanha do TJMS – SEMANA NACIONAL DA RECONCILIAÇÃO